Os pilotos necessitam de ajuda da torre de controlo quando estão no ar, mas quando o primeiro avião levantou voo pela mão dos irmãos Wright, em 1903, não havia comunicação via rádio. De acordo com o Wonderful Engineering, durante o primeiro voo de Orville e Wilbur Wright, os irmãos comunicaram utilizando foguetes de sinalização, pás coloridas e sinais com as mãos.

À medida que a tecnologia avançou, os pilotos começaram a usar código Morse para comunicar e, em 1915, a transmissão de voz ar-terra tornou-se possível.

Para confirmar uma mensagem recebida, os pilotos utilizavam a letra "R" (para "received", recebido em inglês) em código Morse.

Quando a comunicação mudou para o rádio, os pilotos continuaram a utilizar a letra "R" para confirmar uma mensagem, mas começaram a utilizar a palavra "received".

Como nem todos os pilotos falam inglês, foi decidido pela União Internacional Telegráfica em 1927 que "roger" seria um comando mais fácil do que o anteriormente utilizado "recebido".

O termo passou a tornar-se comum na linguagem da aviação internacional e cimentou-se com a utilização pelos pilotos da Segunda Guerra Mundial.

Embora a palavra oficial utilizada hoje em dia pelos pilotos seja "Romeu", a expressão "roger that" continua a ser amplamente utilizada por pilotos em todo o mundo.

Além disso, existem outras expressões universais que os pilotos utilizam mundialmente. Conheça algumas na galeria de fotos.

A "língua" dos pilotos

O idioma de voo, ou Aviation English, - que consiste em cerca de 300 palavras - é uma combinação de jargão profissional e inglês simples.

Foi criado para evitar que os pilotos e os controladores aéreos não se consigam comunicar correctamente, o que poderia levar a potenciais acidentes aéreos.

De acordo com o blog do Oxford Dictionary: "Aprender a falar no rádio do avião é um dos aspectos mais desafiantes da aprendizagem para piloto, os aprendizes têm de se submeter a exames escritos e práticos para provar a sua aprendizagem".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.