Pessoas do mundo inteiro estão cada vez mais conscientes do impacto ambiental nas suas escolhas. E nas viagens não é diferente. Optar por um meio de transporte mais lento para reduzir a pegada de carbono é um dos objetivos de muitos viajantes globais para os próximos anos.

E uma escolha sustentável não significa ter de sacrificar determinadas experiências.

Foi exatamente com essa missão que a Booking.com utilizou dados e recomendações dos seus 155.000 destinos em 227 países e territórios no mundo para identificar algumas das opções de viagem de comboio épicas para quem está pronto para viajar em slow motion.

De Ella para Kandy, Sri Lanka

Originalmente construída para transportar chá e café, esta rota de comboio de sete horas pelas plantações de chá do Sri Lanka tornou-se num importante meio de transporte para os habitantes locais.

Para os viajantes, porém, esta rota oferece não apenas uma aventura com paisagens incríveis, mas também conecta vários dos melhores pontos turísticos e destinos que muitos planeiam visitar.

Ao longo da jornada, os campos verdejantes são intercalados com o toque de cor de um sari, enquanto os moradores das proximidades colhem as folhas de chá. A bordo, os habitantes locais viajam pelas cabines para vender deliciosos petiscos para provar, como bolinhos de dahl ou um doce chá com leite.

Onde ficar:

Antes de partir, os viajantes devem aproveitar uma estadia em Ella, uma pequena cidade no distrito de Badulla. Para a acomodação, a pista está no nome: a vista do Ella 100 View Cottage sobre o cenário impressionante realmente não deixará os hóspedes dececionados. A propriedade possui um jardim e um terraço. A uma curta distância a pé da propriedade encontra-se a Ponte Demodara Nine Arch e o Ella Spice Garden - imperdível para qualquer aspirante a cozinheiro.

Ao chegar em Kandy, os viajantes podem encontrar outra acomodação com vistas deslumbrantes no B&B 390 Villa Vista. Oferece quartos modernos, um restaurante e piscina, para que os visitantes possam relaxar após a viagem de comboio.

De Zermatt para St Moritz, Suíça

Esta viagem de comboio de 8 horas é comumente referida como o "comboio expresso mais lento do mundo". Também conhecida pelo seu nome verdadeiro, Glacier Express, esta rota percorre vales estreitos dos Alpes, 91 túneis e 291 pontes.

Ao longo do caminho, os viajantes podem apreciar as vistas de montanha, riachos, formações rochosas impressionantes e, para quem viaja na primavera ou no inverno, muita neve.

Onde ficar:

Antes da viagem, e em Zermatt, os viajantes podem mergulhar no deslumbrante cenário Alpino com uma estadia luxuosa no CERVO Mountain Boutique Resort. Pode chegar à propriedade através do teleférico Zermatt Sunnegga, para ficar num dos sete chalés, com quartos e suites espaçosos.

Ao chegar a St Moritz, os viajantes podem desfrutar de mais luxo com a experiência premium disponível no Palace Hotel de Badrutt. Datado de 1896, este hotel de 5 estrelas no centro de St. Moritz oferece vistas panorâmicas sobre os Alpes e o Lago St. Moritz. No hotel, os hóspedes têm seis restaurantes para escolher, uma piscina coberta, spa e ginásio.

De Salta, Argentina para La Polvorilla, Argentina

Tren a las Nubes (ou Comboio para as Nuvens) é a quinta ferrovia mais alta do mundo, atravessando a Cordilheira dos Andes. A viagem, uma combinação de autocarro e comboio, começa a serpentear de Salta no vale de Lerma antes de subir para Quebrada del Toro.

Depois, passa por San Antonio doe los Cobres e alcança o viaduto de tirar o fôlego do outro lado do canion do deserto de La Polvorilla. O comboio "a las nubes" é uma viagem de ida e volta, com regresso à cidade de Salta como parte da jornada épica.

Onde ficar:

Antes da partida e no regresso, os viajantes podem explorar Salta, uma das joias escondidas da América do Sul. O Apartamento Reyes Catolicos é muito conhecido pela sua localização, pois muitas das atrações de Salta estão a uma curta distância a pé do apartamento.

Não é apenas perto do centro, mas também é fácil chegar às montanhas, tornando-o a base perfeita para quem pretende fazer caminhadas.

De Darwin para Adelaide, Austrália

O comboio, conhecido como Ghan, viaja pelo interior australiano e leva cerca de 54 horas e é a mais longa viagem de comboio norte-sul do mundo. Os viajantes podem terminar a viagem com uma paragem em Alice Springs.

O comboio tem o nome dos viajantes que vinham de camelo para transportar mercadorias e que foram apelidados de "Ghans" pelos habitantes locais.

Onde ficar:

A partir de Darwin, os viajantes que gostam de um pouco de luxo durante a sua aventura, o Darwin Waterfront Luxury Suites oferece acomodações elegantes e confortáveis. Localizado de frente para a praia de Darwin, os visitantes também poderão sentar-se na varanda privada e contemplar a paisagem.

Uma vez em Adelaide, os hóspedes encontrarão o Adina Apartment Hotel com ótima localização na Victoria Square, no coração da cidade que ocupa o antigo Edifício do Tesouro, classificado como património histórico. O próprio hotel apresenta interiores e instalações impressionantes, incluindo uma piscina aquecida nos meses de inverno.

De Banff para Vancouver, Canadá

Ligando dois destinos principais do Canadá, esta rota de comboio é uma escolha popular entre muitos viajantes internacionais. O Rocky Mountaineer, que leva dois dias, viaja pelas montanhas iminentes e pelos lagos gelados.

Na primeira etapa, de Banff a Kamloops, os viajantes passarão pelo Kicking Horse Canyon e escalarão o Rogers Pass. A segunda etapa, de Kamloops a Vancouver, passa pelas águas do Inferno no Fraser Canyon.

Onde ficar:

Antes de partir, os viajantes podem conhecer a cidade turística de Banff. Localizado apenas a um minuto a pé do centro de Banff, o Moose Hotel & Suites oferece acomodações com uma decoração acolhedora e convidativa. Cada quarto também possui um pátio ou varanda.

No outro extremo da jornada, fica Vancouver, um porto movimentado. Construída em 1906, a West End Guest House é uma pousada histórica, localizada no West End de Vancouver, a uma curta caminhada do centro.

Desfrute da aconchegante lareira na sala de estar ou de um descanso tranquilo nos deslumbrantes jardins da Guest House.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.