Uma viagem ao Canadá tem de passar por Toronto. Sabia que existe um "Little Portugal" e que esta é uma cidade cheia de vida cultural? Pois é, motivos não faltam para pôr este destino na sua lista de próximas viagens. Apresentamos cinco, mas poderiam ser muitos mais.

1. O Canadá está na moda

O Canadá é, sem sombra de dúvidas, um dos destinos para 2017. Este é um ano especial para a "jovem" nação da América do Norte que celebra os 150 anos da confederação que deu origem ao país, em 1867. Para comemorar a data e incentivar mais pessoas a conhecerem o Canadá, o governo declarou que todos os parques nacionais, locais históricos e áreas de conservação marinha têm a entrada livre durante o ano de 2017. As atenções estão também voltadas para o Primeiro-Ministro do país, Justin Trudeau, conhecido, entre outras causas, por defender os direitos humanos, os direitos das mulheres e dos LGBT, e ter as portas abertas do país para os imigrantes e refugiados, enquanto o país vizinho está reforçar as políticas anti-imigração.

2. Gastronomia variada e deliciosa

A multiculturalidade de Toronto resulta numa gastronomia rica e faz da cidade uma montra para vários géneros de culinária. Em cada bairro, é possível fazer uma viagem gastronómica aos diferentes países que eles representam, sem sair da mesma cidade. E depois há a cozinha típica do Canadá para saborear, que promete não desiludir os mais gulosos. Ao pequeno-almoço ou lanche, não deixe de experimentar as panquecas com maple syrup - o famoso xarope, usado em vários pratos, mas mais conhecido para "regar" panquecas. A Peameal Bacon, uma sandes de bacon canadense, ou as batatas-fritas com queijo e molho de carne, as Poutine, são outras iguarias a experimentar. Mas se quiser (tentar) manter a linha, não se preocupe, vai encontrar uma grande variedade de peixe fresco, marisco e outras delícias do mar.

3. Tanta coisa para fazer

Provavelmente, não vai ficar a conhecer a cidade toda numa primeira visita, isso porque existem mesmo muitas atrações em Toronto, dividas pelos seis grandes distritos da cidade (Old Toronto, Etobicoke, York, East York, North York e Scarborough). Na lista dos pontos obrigatórios estão: a CN Tower, o Distllery District, o Royal Ontario Museum, a Casa Loma, o Ripley's Aquarium of Canada, Art Gallery of Ontario, Hockey Hall of Fame, Toronto City Hall, Toronto Zoo, entre muitas outras atrações. A partir de Toronto, é possível visitar as famosas Cataratas do Niágara (Niagara Falls), a 130 quilómetros da cidade.

4. Uma cidade multicultural

Não é um "cliché" dizer isso de Toronto. A cidade é mesmo uma das mais multiculturais, possuindo a segunda maior população que nasceu fora do país, a seguir a Miami, nos Estados Unidos. No entanto, Toronto consegue ser mais multicultural do que Miami, uma vez que na cidade americana a maioria dos habitantes são de origem latina, enquanto em Toronto há, de facto, uma conjunção de várias nacionalidades. Tudo porque desde do século XIX a cidade tem sido um dos principais polos de entrada de imigrantes do mundo. Pelas ruas de Toronto, falam-se cerca de 100 línguas e dialetos.

5. Os bairros de Toronto 

Conhecida como "City of Neighborhoods", Toronto conta com 240 bairros diferentes. Muitos, estão relacionados com uma nacionalidade por contarem com habitantes de um determinado país que vieram estabelecer-se em Toronto. O "Little Portugal" ou "Portugal Village", bairro com uma grande população portuguesa, está entre os mais famosos, mas existe também "Little Italy", "Koreatown", "Little India", "Chinatown", "Greek Town", entre outros.

Esta é mesmo a altura ideal para marcar uma viagem e conhecer este país incrível.

Toronto desde 161€