A capital São Tomé convida a uma viagem pela história colonial e da independência. Mas o Ilhéu das Rolas conquista os amantes da natureza. Já no Príncipe resista se puder à paradisíaca Praia Banana.

Uma cidade histórica

São Tomé e Príncipe, um paraíso africano
créditos: Helena van Eykeren

Visitar a Cidade de São Tomé é embarcar numa viagem no tempo. Do Palácio Presidencial à estátua do Rei Amador, os traços da luta e a conquista da independência do país encontra-se um pouco por todo o lado. Uma vez na capital, não deixe de dar um salto à Catedral de Nossa Senhora da Graça e de conhecer o Espaço CACAU, onde pode visitar diversas exposições temporárias e lojas de artesanato. Para além de atividades culturais, o local funciona ainda como bar, café e restaurante. Siga depois para o Forte de São Sebastião, primeiro edifício com caráter defensivo erguido na ilha no século XVI, sede atual do Museu Nacional de São Tomé e Príncipe. Aqui pode descobrir a história do país, com destaque para a época colonial e a vida quotidiana das plantações de cacau e café. Por falarmos em cacau, inclua no roteiro a fábrica de chocolate Cláudio Corallo. Durante a visita guiada, é possível acompanhar o ciclo do cacau até ao chocolate, provar as favas de cacau e degustar vários chocolates, como o fantástico chocolate com pimenta de São Tomé e sal de Castro Marim.

Das roças ao centro do mundo

São Tomé e Príncipe, um paraíso africano
créditos: Ji-Elle

Deixe a capital e rume a Micoló, uma simpática aldeia piscatória, onde se poderá deliciar com os produtos do mar nos pequenos, mas acolhedores restaurantes tradicionais da avenida principal. Terminada a refeição, e ainda a norte da ilha, visita algumas roças, como a Agostinho Neto e a Diogo Vaz, esta última afamada pelo cacau orgânico e chocolate. Imprescindível é a paragem em Santa Catarina, onde encontra o único túnel do litoral da ilha e local perfeito para uma foto bem instagramável. Igualmente fantástica para uma sessão fotográfica é a Boca de Inferno, onde se pode apreciar o embate da água do mar contra a ravina, que se destaca por uma espécie de gruta com dois buracos, de onde água fervente sai do solo. Na rota não deve faltar o Pico Cão Grande, uma pedra gigantesca, de quase mil metros, que irrompe na paisagem do sul.

São Tomé e Príncipe, um paraíso africano
créditos: Rui Almeida

É também a sul que estão as melhores praias da ilha, começando pela Praia Piscina e pela Praia Inhame, de onde se pode fazer a travessia de barco até ao Ilhéu das Rolas e descobrir um interessante projeto de preservação de tartarugas. Já no Ilhéu, deixe-se conquistar pelo cenário paradisíaco. Neste pedaço de terra muito verde existe apenas um resort, que convida a uns dias de puro descanso longe de tudo. Entre setembro e dezembro é possível seguir a rota das baleias. Durante todo o ano, e se estiver em boa forma, percorra um caminho íngreme e a meia hora de distância encontrará um planisfério em mosaicos e um marco que assinalam a linha do Equador. Bem-vindo ao centro do mundo.

Um acepipe e um pôr do sol

São Tomé e Príncipe, um paraíso africano
créditos: César J. Pollo

A Ilha do Príncipe, tal como a de São Tomé, tem diversas roças que podem ser visitadas. É o caso da Sundy, onde vale a pena descobrir os recantos da casa senhorial agora transformada em unidade de alojamento. O tour inclui a passagem pelas casas dos trabalhadores, onde vive a comunidade e a possibilidade de assistir ao quebrar do cacau. Outro spot a ter em conta é a Ponta do Sol, de onde se usufrui de um pôr do sol único. Mas antes dê um salto à cidade e saboreie uma das iguarias locais. O Molho Fogo é um dos pratos típicos à base de peixe seco que vale a pena experimentar.

Muitos mergulhos e tartarugas

São Tomé e Príncipe, um paraíso africano
créditos: Sebastian Pena Lambarri/Unsplash

A sul, não deixe de apreciar a vista do miradouro da Nova Estrela sobre o famoso ilhéu Boné de Jóquei. Se provou o chocolate Claudio Corallo em São Tomé, só pode mesmo visitar o Terreiro Velho, roça onde é produzido o cacau que lhe dá origem. Paragem obrigatória é a cidade de Santo António, onde se destacam o Palácio do Governo e a praça Marcelo da Veiga. Do centro siga até ao Pico Papagaio, que se encontra no Parque Natural, a cerca de 700 metros de altura. Pelo caminho vai avistar inúmeras espécies da floresta, com destaque para os macacos e muitas aves. Se for adepto de mergulho, a Praia Burra é o seu próximo destino. Deste pequeno paraíso siga para a famosa Praia Banana, mais precisamente para o seu miradouro de onde terá uma vista absolutamente fabulosa. Dependendo da época do ano poderá observar baleias, caminhar até à praia e dar um merecido mergulho. Mas a maior praia da ilha é, como o nome indica, a Praia Grande. Sempre deserta, observa-se aqui a desova das tartarugas, mediante agendamento.

Praias, história e natureza sem fim. São Tomé e Príncipe tem atributos de sobra para umas férias inesquecíveis. Não espere mais e reserve já o seu voo com a TAP.

São Tomé ida e volta desde 533€