O Dia dos Namorados está a chegar e, para comemorar essa data, a Musement compilou 8 destinos fantásticos, onde tanto casais como solteiros podem realizar rituais para consolidar o relacionamento ou atrair o amor verdadeiro.

Casa de Julieta, Verona (Itália)

Além de ter um enorme património arquitetónico e cultural, Verona é famosa por ser o cenário de uma das histórias de amor mais trágicas da história: Romeu e Julieta, de William Shakespeare. No número 23 da Rua Cappello fica a casa de Julieta Capuleto, lugar imperdível para todos aqueles que querem viver um romance com final feliz, já que, segundo a lenda, para encontrar o amor verdadeiro basta colocar a mão no coração da estátua de bronze de Julieta, localizada no pátio.

Casa de Julieta
Casa de Julieta créditos: Unsplash

Colina dos Namorados, Praga (República Checa)

Karel Hynek Mácha é um dos maiores representantes da literatura romântica na República Checa. Os casais que desejam que o seu amor nunca acabe devem ir à Colina Petřín, também conhecida como Colina dos Namorados, e devem beijar-se aos pés da estátua desse famoso poeta. Diz-se, também, que quem coloca uma flor no pedestal da estátua nunca perderá o amor da sua cara-metade.

O mascarão de Dubrovnik, Dubrovnik (Croácia)

Os mascarões são rostos de pedra utilizados como elementos decorativos em fontes e obras arquitetónicas. Um dos mais famosos da Croácia está localizado na entrada do centro histórico de Dubrovnik, perto da Porta de Pile. Reza a lenda que quem conseguir subir até o mascarão e tirar a camisa a olhar para a parede e sem perder o equilíbrio, terá sorte no amor.

Castelo de Blarney, Cork (Irlanda)

O Castelo de Blarney, no condado de Cork, é uma das atrações mais populares da Irlanda, pois é o local onde está localizada a famosa Pedra da Eloquência. Uma antiga superstição irlandesa diz que quem subir os 128 degraus para chegar ao topo do castelo, deitar de costas e se inclinar para baixo de forma a beijar a Pedra da Eloquência será abençoado com o dom da palavra, talento que, sem dúvida, é muito útil na hora da conquista.

Castelo de Blarney
Castelo de Blarney créditos: Unsplash

A Capela de Santo António de La Florida, Madrid (Espanha)

Os solteiros que desejam encontrar uma cara-metade ou saber como será sua vida amorosa devem visitar essa capela e realizar o curioso ritual dos 13 alfinetes. Esse ritual remonta ao século XIX, quando todos os dias 13 de junho (dia de Santo António), as costureiras que queriam encontrar um namorado atiravam 13 alfinetes na pia da água benta. Em seguida, colocavam a mão, e a quantidade de alfinetes que ficassem presos na palma da mão indicaria a quantidade de pretendentes que teriam naquele ano.

A Fontana di Trevi, Roma (Itália)
A Fontana di Trevi, situada no cruzamento de três ruas, é uma das construções barrocas mais emblemáticas da Itália e, sem dúvida, a fonte mais famosa de Roma. Segundo a tradição, quem atirar uma moeda de costas para a fonte, com a mão direita passando por cima do ombro esquerdo, regressará a Roma. Quem atirar duas moedas encontrará o amor num italiano, e quem atirar três moedas vai casar. O que muitos talvez não saibam é que logo ao lado direito da Fontana di Trevi fica a Fonte dos Namorados. Diz a lenda que os casais que bebem dessa fonte permanecerão apaixonados para sempre.

Fontana di Trevi
Fontana di Trevi créditos: Unsplash
A Ponte Marie, Paris (França)

Os casais que desejam preservar seu amor devem se beijar de olhos fechados ao passar de barco por baixo dessa ponte, que está localizada no bairro IV da cidade do amor. Não está claro de onde vem essa tradição, já que apesar de se tratar de uma das pontes mais antigas de Paris, tombada como monumento histórico, ela não está relacionada com nenhuma história de amor. Porém, por precaução, se você passar por baixo dessa ponte com a sua cara-metade, é melhor beijá-la.

Estátua de Everard't Serclaes, Bruxelas (Bélgica)

Os solteiros que desejam encontrar o amor devem ir até a estátua desse herói, que libertou a cidade do Conde de Flandres, localizada ao lado da Grand Place. A tradição diz que para encontrar o amor é necessário tocar a estátua da cabeça aos pés. No entanto, tenha cuidado: fazer o contrário (tocar a estátua dos pés à cabeça) leva à separação.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.