Todos os anos, a Organização Mundial de Turismo das Nações Unidas (OTM) analisa as tendências de viagens para identificar os países em ascensão e, na sua análise mais recente, mostra que há cada vez mais turistas a viajar para países menos populares ou pouco recomendados para fazer turismo.

Países como o Egito e a Tunísia, cujo turismo foi afetado pelos conflitos no Médio Oriente, registaram um crescimento surpreendente no ano passado. Na América Latina, países como o Chile e o Uruguai recebem também cada vez mais visitantes.

Se se quiser antecipar e visitar os próximos destinos “cool” antes da maioria, faça desta lista o seu guia.

Estado da Palestina

Em ascensão. Os destinos europeus mais "cool" para 2018
Em ascensão. Os destinos europeus mais "cool" para 2018
Ver artigo

Ao longo do último ano, as visitas dos turistas internacionais à Palestina aumentaram quase 58 por cento.

+ O que ver e fazer no Estado da Palestina

Egito

No último ano, o número de turistas no Egito cresceu 51 por cento, graças à diminuição da violência no país.

+ O que ver e fazer no Egito

Ilhas Marianas do Norte

Este território norte-americano registou um crescimento de 37%.

+ O que ver e fazer nas Ilhas Marianas do Norte

Islândia

Os turistas na Islândia triplicaram desde 2010. E a tendência de crescimento manteve-se no último ano: 35%. Devido ao tempo, os turistas tendem a visitar a Islândia entre junho e agosto.

+ O que ver e fazer na Islândia

Tunísia

E parece que a Tunísia está a recuperar depressa do ataque terrorista de 2015. No último ano, o país registou um aumento de turistas de 33 por cento.

+ O que ver e fazer na Tunísia

Vietname

O Vietname foi o país asiático que mais cresceu a nível de chegadas de turistas internacionais no último ano. O país registou um aumento de 31 por cento.

+ O que ver e fazer no Vietname

Uruguai

Será o novo hot spot da América do Sul? Durante o último ano, três milhões de pessoas visitaram o país - um crescimento de 30% em relação a 2015 de acordo com a OTM.

+ O que ver e fazer no Uruguai

Nicarágua

23 destinos incríveis que provavelmente não sabe que existem
23 destinos incríveis que provavelmente não sabe que existem
Ver artigo

Estima-se que, em 2016, a Nicarágua recebeu 1.5 milhão de turistas, crescimento de 28 por cento ano após ano.

+ O que ver e fazer na Nicarágua

Mongólia

O turismo na Mongólia cresceu 28 por cento no ano passado.

+ O que ver e fazer na Mongólia

Israel

Dois milhões e novecentos visitantes em 2016. O turismo em Israel cresceu 25 por cento no ano passado.

+ O que ver e fazer em Israel

Malta

As chegadas de turistas internacionais aumentou 23 por cento. Embora Malta tenha perdido, no início do ano, uma das suas principais atrações, tudo indica que o turismo vai continuar a aumentar.

+ O que ver e fazer em Malta

Seychelles

Dizem que visitar este arquipélago é como entrar no “Jardim do Éden”. O paraíso ainda um pouco esquecido, começa a tornar-se cada vez mais popular. No ano passado, o turismo nas Seychelles cresceu 20 por cento.

+ O que ver e fazer no arquipélago de Seychelles

Montenegro

Montenegro cresceu 20 por cento no ano passado.

+ O que ver e fazer em Montenegro

Chile

O Chile é outro dos países da América do Sul a registar um crescimento rápido (20 por cento em 2016).

+ O que ver e fazer no Chile

Sultanato de Omã

Procura viagens mais baratas em 2018? Saiba quando deve reservar
Procura viagens mais baratas em 2018? Saiba quando deve reservar
Ver artigo

  Este país do Médio Oriente tem vindo a ser tendência nos últimos anos. Em 2016, o turismo em Omã cresceu 19 por cento.

+ O que ver e fazer no Sultanato de Omã

República do Chipre

No ano passado, o Chipre registou um crescimento de 18 por cento.

+ O que ver e fazer na República do Chipre

República da Arménia

Ao longo da sua história (mais de três mil anos), a Arménia tem sofrido com conflitos. A estabilidade fez com que no ano passado o turismo crescesse 18 por cento.

+ O que ver e fazer na República da Arménia

Colômbia

No último ano, o turismo na Colômbia cresceu 18 por cento - talvez parcialmente devido à popularidade da série Narcos. Nos últimos anos, Bogotá, capital do país, ficou conhecida como destino gastronómico.

+ O que ver e fazer na Colômbia

Finlândia

Em 2016, o turismo na Finlândia aumentou 17 por cento.

+ O que ver e fazer na Finlândia

Japão

Tal como a Finlândia, em 2016, o Japão registou um crescimento de 17 por cento.

+ O que ver e fazer no Japão

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.