O futuro passeio pedonal, cujo projeto "está a ser elaborado por uma empresa especializada", vai "fazer a ligação entre a Aldeia da Serra e a Ermida de Nossa Senhora do Monte da Viagem", revelou hoje à agência Lusa o presidente do município, António Recto.

Indicando que o projeto vai envolver um investimento de cerca de 300 mil euros, o autarca alentejano adiantou que as obras devem arrancar durante o próximo verão para ficarem concluídas em "outubro ou novembro".

Segundo o presidente do município, o percurso será constituído por "um passadiço em madeira com cerca de 350 metros e o restante em terra batida" e vai passar por "um vale muito bonito" e junto a "um muro de pedras de xisto, onde eram as hortas dos frades".

"É uma aposta da câmara, porque entendemos que a serra tem todas as condições para ser um bom produto turístico", frisou, destacando "as características da Serra d'Ossa e a preservação que tem sido feita".

O projeto visa "promover a zona a nível turístico e trazer mais pessoas para o concelho" e, consequentemente, "dinamizar fortemente a económica local", referiu.

António Recto adiantou que o município quer avançar com uma candidatura "a fundos comunitários ou através do Turismo de Portugal" para financiar o projeto.

O autarca destacou ainda que vai ser também construído na Serra d'Ossa um centro de BTT, com percursos de mais de 100 quilómetros, num projeto de envolve a Câmara de Redondo e os municípios de Borba e Estremoz.

Fonte: Lusa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.