"Está provado cientificamente que as fotos mais bonitas das férias que são depois partilhadas nas redes sociais provocam um sentimento de infelicidade aos que não podem estar naquele local", pode ler-se no comunicado lançado pelo município.

Por isso, os responsáveis do Turismo local querem evitar essa tristeza e aprovaram uma lei onde é proibido tirar fotos na vila, assim como uma multa de cerca de 5 euros para quem a desrespeitar.

No entanto, tudo não passa de uma campanha de marketing para atrair visitantes a Bergun. "Nós não queremos tornar as pessoas infelizes, por isso convidamos todos cordialmente a visitarem Bergun e a verem com os seus próprios olhos a beleza da vila e as suas incríveis paisagens", diz Peter Nicolay, presidente de câmara.

A multa de cerca de 5 euros é uma forma de dizer aos turistas para apreciarem com os seus próprios olhos a beleza do local, e muito provavelmente nunca será aplicada, segundos os responsáveis. A ideia é que todos falem de Bergun, e a lei serve para isso mesmo.

O gabinete de Turismo local foi ainda mais longe nesta sua campanha para promover a vila e resolveu retirar as fotos de Bergun da sua conta de Facebook e Twitter, o que provocou sentimentos de revolta. Houve quem comentasse que "se isto for verdade, então é a pior piada que eu já ouvi e um motivo para nunca visitar Bergun". Outros até acharam piada a esta forma de promover a vila, mas questionaram se seria a melhor forma de atrair turistas ou simplesmente se é uma má ação de marketing.

Para responder a estes comentários na página de Facebook, o gabinete de Turismo local disse que "estava consciente de que a nova lei não iria agradar a todos, mas que foi uma forma arrojada de promover a vila".

Recentemente, a Suécia também implementou uma campanha de marketing diferente e que captou a atenção de todos, ao colocar o país inteiro disponível gratuitamente na Airbnb, com o objetivo de tornar as suas paisagens e natureza acessíveis a todos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.