Após a intervenção no corredor principal, no final de 2019, o artista voltou a trabalhar no espaço com a mesma linha criativa que tem vindo a desenvolver nos últimos anos.

Desta vez, iluminou a entrada aos visitantes do The Hood, criando um mural interativo de 7x7 metros, com um original jogo de luzes coloridas, que, tal como no primeiro trabalho, permite a interação e a troca de cores, através de uma aplicação de telemóvel.

O trabalho foi realizado ao longo da última semana de outubro e irá fazer parte das intervenções permanentes de artistas residentes.

Spidertag/The Hood
créditos: Spidertag/The Hood

Spidertag é um artista urbano que trabalha desde 2008 na reinterpretação da geometria, abstração e minimalismo nas ruas e espaços rurais a nível global. Influenciado pelo construtivismo russo, pela ficção científica, pelo cinema alternativo e pelo muralismo, o artista têm atualmente como base do seu trabalho a criação de instalações com o recurso a cabos flexíveis especiais que são utilizados como baterias.

No final de 2018, o artista iniciou a série Interactive Neon Murals, onde convida à participação ativa da modificação dos seus murais através do telecomando.

Spidertag/The Hood
créditos: Spidertag/The Hood

Esta série permitiu a Spidertag estar presente em diferentes festivais no mundo como o festival ESTAU em Estarreja, a galeria Metro21 em Santiago do Chile, o festival PowWow no Havai e o festival Mural no Canadá.

No entanto, foi em Iisalmi na Finlândia que deu o salto ao nível da interatividade, abraçando novas tecnologias aliadas à arte, e substituindo o telecomando pela aplicação do telemóvel na modificação do mural.

Assista aqui ao vídeo da intervenção.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.