Jazz Mott e o seu marido Garry vivem em Victoria, na Austrália, e visitaram Lakes Entrance em junho do ano passado. No entanto, acabaram por só partilhar as imagens nas redes sociais na semana passada.

Alguns dias depois de partilharem as imagens, um agente da polícia bateu-lhes à porta para entregar  uma multa de 3.304 dólares australianos (cerca de 1932 euros), por terem violado as diretrizes de isolamento ao viajarem de carro até a Lakes Entrance (uma viagem não essencial), o que deixou Jazz perplexa, uma vez que não tinham saído de casa.

Foi só depois de conversar com o marido que Jazz percebeu que a multa estaria relacionada com a publicação feita no Facebook. Depois de esclarecida a situação, as autoridades retiraram a multa, mas pediram ao casal para não publicar mais fotos de férias durante o período de distanciamento social.

A polícia local garantiu não estar a investigar as redes sociais para descobrir quem está a quebrar a quarentena, no entanto, está a responder a denuncias feitas por terceiros, como terá sido o caso.

Os habitantes de Victoria estão atualmente em isolamento, com algumas das regras mais apertadas do país.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.