A seleção do famoso guia, aguardada com expectativa anualmente por chefs e gourmets de todo o mundo, será revelada às 15h da próxima segunda-feira, em cerimónia na sala Gaveau, em Paris.

"Setenta e cinco restaurantes vão passar às categorias 1, 2 ou 3 estrelas, o que representa um recorde", anunciou à AFP Gwendal Poullennec, novo diretor internacional do guia. "Isto reflete o grande dinamismo da gastronomia na França, em todas as regiões", assinalou nas redes sociais.

Após 15 anos no guia, parte deles na Ásia, Poullennec ascendeu ao cargo de prestígio em setembro passado, substituindo Michael Ellis, que foi para a rede de hotéis de luxo Jumeirah, com sede em Dubai.

Ao revelar alguns elementos da seleção, o diretor prometeu "uma proporção inédita de chefs mulheres, como nunca visto". A evolução não se deve a "cotas" de género nem a um "rebaixamento de critérios", assinala Poullennec, que destaca uma seleção baseada na diversidade de estilos, perfis de chefs e conceitos gastronómicos.

Fonte: AFP

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.