O livro, editado pela Zest e lançado em novembro de 2014, é a primeira obra impressa em Portugal do género, reunido “os melhores produtores de vinho a visitar, mas também sugestões sobre os melhores locais onde comer e onde dormir”, segundo a autora.

Os prémios, que distinguem os melhores livros, programas televisivos e aplicações dedicados ao mundo da comida e bebida, foram anunciados este fim-de-semana numa cerimónia em Yantai, na China, e foram divulgados na página oficial da Gourmand International.

Também o ‘chef’ Chakall, argentino radicado em Portugal, foi eleito como melhor apresentador de programas de cozinha a nível mundial, pelos seus programas em Portugal e na Alemanha.

O livro “Portugal – Algarve Mediterrânico” ficou em terceiro lugar na categoria de melhor livro de cozinha do ano. A obra é da autoria de Maria Manuel Valagão, Vasco Célio e Bertílio Gomes e é editado pela Tinta da China.

Também em terceiro lugar, na categoria de livro de comida vegetariana, ficou o livro “Cozinha Vegetariana”, de Gabriela Oliveira, editora Bertrand.

Em língua portuguesa, o livro “As Melhores Receitas do Mais Você”, programa televisivo da televisão brasileira Globo e apresentado por Ana Maria Braga, ganhou o primeiro prémio na categoria “televisão fora da Europa”.

Também com origem portuguesa, o livro da cozinheira malaia Melba Nunis, “A Kristang Family Cookbook”, venceu o prémio internacional para chefe de cozinha mulher.

A comunidade ‘cristang’ é uma pequena comunidade de Malaca, na Malásia, e tem origem nos antepassados portugueses, que ali chegaram na época dos Descobrimentos. Estes descendentes dos portugueses falam a língua ‘cristang’, um crioulo de base portuguesa.

Na edição deste ano dos prémios, participaram 209 países, dos quais 103 ficaram na ‘shortlist’, num total de 766 finalistas em 89 categorias.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.