Foto: SBB.ch

Além de caminhar ou andar de bicicleta, apanhar o comboio é a maneira mais ecológica de viajar. Na verdade, em comparação com os automóveis e os aviões, os comboios emitem entre 66% a 75% menos carbono. Em termos de consumo de energia, uso de espaço e níveis de ruído, também são muito mais sustentáveis. Por isso, quando visitamos um país como a Suíça, que tem uma das redes ferroviárias mais confiáveis da Europa, só temos que aproveitar e tirar partido disso.

DIA 1 E 2 - ZURIQUE E BERNA

Comecem em Zurique. Usem as primeiras 24 horas para explorar a cidade (vejam aqui tudo o que podem fazer) e, no dia seguinte, cedo pela manhã, sigam para Berna, a capital da Suíça. A viagem no comboio da SBB dura pouco mais de uma hora.

Chegando a Berna, guardem a mala num dos cacifos da estação e caminhem até ao centro medieval (a cerca de 10 minutos), construído numa colina com vista para uma curva do rio Aare. Passeiem devagar  pelas ruas  históricas e não percam a Torre do Relógio Zytglogge, e as suas marionetas mecânicas, que “atuam” de hora em hora.

Berna
créditos: PxHere

Almocem no famoso Kornhauskeller ou "Chübu", como é carinhosamente chamado pelos verdadeiros bernenses. Fica em Kornhauspl. nº 18 e é um dos marcos mais visitados da cidade. Tetos abobadados erguem-se acima das mesas onde são servidas especialidades locais acompanhadas de uma extraordinária seleção de vinhos.

Durante a tarde visitem a Catedral Gótica de Berna e, se gostarem, visitem um museu. Berna tem vários museus interessantes — O Museu Einstein (dedicado à vida do genial cientista); O Museu Histórico de Berna; O Centro Paul Klee e o Kunstmuseum (Museu de Belas Artes) são os principais.

Ao fim do dia apanhem o comboio para a Basileia, uma cidade “encravada” entre a França e a Alemanha, que fica a uma hora de viagem de Berna. Também possui um bonito centro histórico com uma catedral gótica e vista para um rio, mas tem igualmente um lado mais contemporâneo.

Chegando à estação, apanhem o elétrico nº 8 para o Hotel Krafft Basel (Rheingasse nº 12).  O escritor Hermann Hesse costumava ficar aqui hospedado e escreveu a maior parte do seu conhecido romance “O Lobo das Estepes ” neste hotel. Fica mesmo na margem do rio Reno e a vista que oferece do centro histórico é de tirar o fôlego. Se puderem jantem e passem lá a noite, vale mesmo a pena!

DIA 3 - BASILEIA

De manhã explorem a Cidade Velha de Basileia, uma das mais belas e intactas do seu tipo na Europa. Deem um passeio pelas ruelas estreitas e praças escondidas com as suas mais de 300 fontes. Apreciem os edifícios centenários e atrações como a Câmara Municipal ou a Catedral.

BASILEIA 

Apanhem de novo o elétrico nº 8 e façam um passeio de 20 minutos até a fronteira alemã, parando no  terminal de Weil am Rhein. Lá, podemos encontrar uma rua pontuada por vitrines giratórias com móveis em miniatura, que nos conduzem até ao Vitra Design Museum, um museu instalado em edifícios de arquitetos famosos como Zaha Hadid e Tadao Ando.

O chamado Caminho Rehberger que liga a Fundação Beyeler, um centro de arte contemporânea cercado por campos e lagoas, na vila suíça Riehen ao Campus Vitra, em Weil am Rhein na Alemanha é uma caminhada imperdível, de 45 minutos, que liga os dois países e oferece um percurso único pela natureza e pela arte, com 24 paragens e 24 objetos criados pelo artista alemão Tobias Rehberger.

De volta ao centro de Basileia, desta vez no eléctrico nº 6, caminhem cerca de 10 minutos até ao  Bundesbahn, um restaurante que fica atrás da estação central e é dedicado… aos comboios!

O schnitzel tradicional que servem no restaurante é delicioso.

DIA 4: LUCERNA E GOTTHARD PANORAMA EXPRESS

De volta ao comboio, sigam viagem para Lucerna. Mais uma hora e meia (mais coisa menos coisa) e estão  numa nova cidade.

Passem aqui a noite e comecem a manhã seguinte bem cedo para terem tempo de conhecer o centro histórico, a ponte de madeira do século XIV e o Monumento do Leão – símbolo de Lucerna. Mark Twain escreveu certa vez que este é “o pedaço de pedra mais triste e comovente do mundo” e quando vemos a obra de perto percebemos porquê…

Monumento do Leão

Embarquem depois no Gotthard Panorama Express para uma viagem de meio dia que vos vai conduzir do norte ao sul do país. A primeira etapa é realizada a bordo de um belíssimo barco a vapor e a segunda é feita num comboio panorâmico, com enormes janelas.

A viagem segue até ao sul do Mediterrâneo, passando pelo túnel de Gotthard, construído em 1882, pelos  Alpes e por vários pontos de interesse como a Igreja de Wassen, o prado de Rütli, e a Capela de Guilherme Tell.

Além das atrações turísticas, os passageiros contam ainda com apresentações especiais sobre a história, os mitos e as lendas de Gotthard. O apelo gastronómico também merece ser mencionado: É possível almoçar no barco e desfrutar de um lanche e bebidas no comboio.

Gotthard
SBB.ch

Quando chegarem ao final da tarde a Lugano, se puderem, passem uma noite no Hotel Splendide Royal, um dos hotéis mais antigos e elegantes da cidade. Fica situado à beira do lago e tem um restaurante maravilhoso. Caminhando 10 minutos para sul podemos embarcar no funicular até ao topo do Monte San Salvatore e assistir a um pôr do sol memorável.

DIA 5 - LUGANO

Passem o último dia a explorar a margem do lago que dá o nome à cidade, a apreciar as vistas para as  montanhas de San Salvatore e Brè e a conhecer o centro histórico que vos vai fazer sentir como se estivessem numa pequena cidade de Itália.

Visitem as belas igrejas, o Museu Hermann Hesse e a Fortaleza de Bellinzona — Património Mundial da UNESCO. Parem para almoçar ou para um aperitif na bela Via Nassa ou no mercado, antes de apanharem o comboio de volta para Zurique.

Via Nassa
créditos: PxHere

NOTAS: Preço aproximado dos bilhetes de comboio, se comprados on line no site da SBB https://www.sbb.ch/en/home.html com alguns dias de antecedência:

Zurique - Berna 12 €
Berna - Basileia 12 €
Basileia - Lucerna 8 €PxHere

Lucerna - Lugano (incluindo a viagem de barco) 153 €
A viagem Lucerna - Lugano deve ser comprada como bilhete para o Gotthard Panorama Express https://www.sbb.ch/en/leisure-holidays/trains-trips/rail-travel-specialtrains/panoramareisen/gotthard-panorama-express.html

Para inspiração e ideias para férias e fins de semana sigam as minhas stories no Instagram

Para inspiração e mais ideias para passeios, férias e fins de semana sigam as minhas stories no Instagram

Artigo originalmente publicado no blogue The Travellight World

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.