O resort é único e simplesmente lindo. A arquitetura - inspirada numa mina de estanho que outrora existiu naquele local - é complementada com detalhes de design arrojados e contemporâneos.

O projeto é obra do aclamado arquiteto Bill Bensley e combina o metal industrial com a tradicional decoração tailandesa. Esculturas de metal feitas a partir de maquinas antigas contrastam com o verde da vegetação tropical e exuberante que cerca o resort.

O serviço é atencioso e simpático. Assim que chegamos, enquanto fazemos o check-in, servem-nos um chá frio e trazem uma toalha gelada para nos refrescar do intenso calor tailandês.

O quarto onde fiquei era espaçoso e confortável. Abria para um pátio onde havia uma pequena piscina (não aquecida), uma mesa para refeições e uma bela banheira. Era o espaço perfeito para relaxar e aproveitar o clima tropical de Phuket.

The Slate
Pormenores do quarto créditos: The Travellight World

O pequeno almoço era servido no restaurante Tin Mine, que tem uma excelente vista para o jardim. O buffet tinha tudo o que precisamos para começar bem o dia: fruta fresca, cereais, várias qualidades de pão, queijos, fiambre, ovos, saladas, sumos e até super alimentos como bagas goji.

Locais para comer e beber não faltam neste resort que oferece um total de oito restaurantes e bares. Destaco o Black Ginger, que é um lugar especial onde podemos provar o melhor da gastronomia tailandesa.

Gastronomia tailandesa
Gastronomia tailandesa créditos: The Travellight World

À frente do resort, encontramos a bonita praia de Nai Yang, uma praia de areia branca e águas quentes que nos recorda porque escolhemos a Tailândia como destino de férias. A praia é muito limpa e tem um pôr do sol memorável.

Praia em frente ao resort
Praia em frente ao resort créditos: The Travellight World

O resort fica próximo do Parque Nacional Sirinat e proporciona aos seus hóspedes uma variedade de atividades que podem ser praticadas ao ar livre como mergulho, paddle boarding e caiaque.

Quem escolher ficar na propriedade também não se aborrece porque pode fazer aulas de culinária tailandesa e aulas de ioga, kickboxing, muay-thai e pilates.

Uma das piscinas do resort
Uma das piscinas do resort créditos: The Travellight World

O SPA do resort - Coqoon SPA - é um dos melhores que já visitei.

É um espaço premiado que oferece tratamentos de luxo num ambiente surreal onde podemos esquecer o mundo e mergulhar no paraíso. Se decidirem hospedar-se neste resort não deixem de reservar uma massagem no Coqoon, vale mesmo a pena!

Coqoon SPA
Coqoon SPA créditos: The Travellight World

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook 

Artigo originalmente publicado no blogue The Travellight World

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.