Os Setes Vales Suspensos de Lagoa são um trilho que liga a Praia de Vale Centeanes à Praia da Marinha (Lagoa, Algarve) ao longo de 5,7 quilómetros.

Foram distinguidos como “O Melhor Destino para Caminhadas da Europa”, num ranking promovido pelo European Best Destinations, ficando à frente de atrações turísticas naturais em países como Noruega, Inglaterra, França ou Espanha.

Num passado distante, cada vale suspenso esteve associado à foz de uma ribeira, devendo a sua formação a um recuo rápido do litoral não acompanhado pelo entalhe da linha de água. A ação das águas doces e salgadas resulta na formação de um modelado rendilhado da costa, designado por paisagem cársica, com uma notável diversidade de geoformas que se podem observar na Praia da Marinha: arcos, grutas, algares e leixões.

O percurso de ida e volta tem uma duração média de 6 horas, mas podemos fazer apenas uma parte do percurso. Caso decidam fazer o trilho no verão, devem evitar o período de maior calor. Uma sugestão é fazer um dos percursos logo pela manhã, almoçar e descansar na praia e aproveitar o final do dia para regressar ao ponto de partida.

É um trilho bem assinalado, mas com um percurso acidentado. Certifiquem-se que têm bateria suficiente na máquina fotográfica porque vão precisar. Ao longo do percurso existem algumas estruturas onde podemos descansar e até mesmo áreas para comer uma refeição

Dicas úteis para percorrer os Sete Vales Suspensos:

  • Levar água;
  • Caso decida fazer ida e volta, não se esqueça do almoço;
  • Se fizer apenas um percurso, basta um snack;
  • Calçado apropriado, por vezes, o percurso é acidentado;
  • Máquina fotográfica;
  • Protetor solar;
  • Chapéu ou boné;
  • Faça-o com tempo, o percurso convida à contemplação;
  • Respeite a sinalização e as áreas interditas;
  • Se levar crianças, não faça o percurso completo - o percurso entre Benagil e Praia da Marinha é perfeito.

A orla costeira algarvia caracteriza-se pela sua riqueza natural e sensibilidade ecológica. Deixe o seu contributo para a sua conservação:

  • Evite caminhar fora dos trilhos, evitando a degradação da vegetação;
  • Tenha em atenção que a primavera é a época de reprodução das aves, não se aproxime dos seus ninhos nas arribas;
  • Evite explorar grutas no inverno e primavera, épocas de hibernação e de reprodução dos morcegos;
  • Não deixe lixo doméstico no mar, praias e arribas.

Acompanhe as nossas aventuras no Instagram Viagensa4

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.