Até hoje, adoro histórias infantis e filmes clássicos da Disney por isso fico encantada quando visito lugares que inspiraram e serviram de cenário para algumas das mais conhecidas fábulas que povoaram o meu imaginário de criança. O Vale do Mosel e a pequena cidade de Bernkastel-Kues, na Alemanha, encaixam perfeitamente nesta descrição.

O belo Rio Mosel tem 545 quilómetros e é um dos mais longos afluentes do Rio Reno, formando uma fronteira natural entre a Alemanha e o Luxemburgo. O trecho mais bonito do Vale do Mosel é entre Trier e Koblenz, onde a paisagem sempre em mudança, particularmente entre Bernkastel-Kues e Cochem, é marcada por uma sucessão de vales pontuados por castelos antigos e pequenas cidades e vilas pitorescas.

Esta região é mais visitada por turistas no Verão mas tem uma beleza especial na época mais fria, quando o branco da neve cobre todo o vale e este fica transformado num maravilhoso postal de Inverno.

Bernkastel-Kues, uma cidade pitoresca

Bernkastel-Kues é uma cidade que, na verdade, são duas divididas pelo rio. De um lado fica Bernkastel que significa literalmente "castelo do urso” e do outro Kues. É pequena mas tem coisas suficientes para oferecer ao visitante curioso. Facilmente, passamos aqui um par de horas a explorar e a descobrir esta pitoresca e antiga cidade, fundada em 1291, que parece saída directamente de um conto dos Irmãos Grimm.

O melhor lugar para começar a visita é a bonita Marktplatz de Bernkastel, na margem direita do rio, onde, juntamente com inúmeras lojas e cafés, encontramos a Câmara Municipal que data do início do século XVII e o antigo pilar onde os criminosos eram punidos. Encontramos também muitas casas em enxaimel muito bem preservadas (o enxaimel ou fachwerk é uma técnica de construção que consiste em paredes montadas com hastes de madeira encaixadas entre si em posições horizontais, verticais ou inclinadas, cujos espaços são preenchidos geralmente por pedras ou tijolos).

Por todo o lado, encontramos detalhes engraçados e lojinhas de souvenirs com produtos típicos e artesanato local.

A poucos minutos a pé, nas margens do Mosel, fica a Igreja Gótica de São Miguel, a única estrutura inalterada do século XIV da região. A igreja é famosa pela sua torre fortificada, que em tempos defendeu a cidade, pelo altar que retrata a devastação da praga do século XVII, que matou muitos dos habitantes da cidade, e pelos seus belos vitrais.

As ruínas do castelo de Landshut (Burgruine Landshut), originalmente construído 1277 e acidentalmente devastado por um incêndio em 1692, oferecem um dos melhores pontos de vista da cidade e do rio.

Atravessando a ponte sobre o Mosel até Kues, encontramos outros edifícios antigos interessantes como o Hospital St. Nikolaus, fundado pelo cardeal e filósofo Nicolás Cusanus no século XV, e em cuja biblioteca encontramos, para além de livros antigos, uma colecção fascinante de instrumentos e aparelhos astronómicos, incluindo o globo celestial mais antigo do mundo.

Um dos melhores vinhos brancos da Europa

Bernkastel é também o lar da famosa vinha Bernkastel Doctor que produz um dos melhores vinhos brancos da Europa.
O Bernkastel Doctor tem poucos hectares de tamanho, mas a sua fama é lendária. Reza a história que no século XIII, o arcebispo de Trier estava nesta área do Vale do Mosel quando adoeceu gravemente. Depois de tentar inúmeros medicamentos e curas sem sucesso, serviram-lhe um copo de Riesling produzido a partir desta humilde vinha e ele ficou curado. A vinha ficou então conhecida como “O Médico de Bernkastel“ e hoje, segundo me disseram, é a terra agrícola mais cara de toda a Alemanha.

Uma visita ao Moselle Wine Museum (Mosel-Weinmuseum) e uma degustação de vinhos na Vinothek são actividades imperdíveis para quem passeia pelo coração da região vinícola mais conhecida da Alemanha.

Os principais eventos da cidade também estão associados ao vinho: na Primavera, há o "Tage der offenen Weinkeller" (os "dias das adegas abertas") e, em Agosto, o "Wein- und Straßenfest" (o "festival do vinho e da rua") atrai muitas pessoas a Kues. E em Setembro, há o famoso "Weinfest der Mittelmosel", o maior festival de vinho do Mosel, com fogos de artifício e um grande desfile.

Respirar ar puro

Quem fica em Bernkastel-Kues pode aproveitar e visitar também outras cidades e locais interessantes que ficam nos seus arredores como Trier e Cochem.

Em 2005, Bernkastel-Kues foi certificada como resort de clima saudável - e agora está oficialmente entre os 50 lugares da Alemanha onde o clima saudável facilita a recuperação. O ar é muito puro aqui e a natureza fascinante durante todo o ano. Cada passeio ou caminhada é um conforto para o corpo e os sentidos.

Esta cidade fica a cerca de 30 minutos de carro do aeroporto Frankfurt-Hann para onde a Ryanair voa a partir de Lisboa e Porto.

Um táxi do aeroporto para a cidade pode ficar caro e não há transporte público directo por isso muitos optam por alugar uma viatura e percorrer a região de automóvel.

Sigam as minhas aventuras mais recentes no Instagram e no Facebook

Artigo originalmente publicado no blogue The Travellight World 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.