A lenda diz que se lançar uma moeda por cima do ombro para a Fontana di Trevi regressará a Roma. Atirar duas moedas vai fazê-lo encontrar o amor da sua vida e se atirar três tem casamento garantido com um romano(a).

A verdade, e à custa desta 'profecia', é que anualmente são recolhidos cerca de 1,5 milhões de euros com as moedas afortunadas que são atiradas à fonte. Esse valor é atribuído, na totalidade, a organizações de caridade católicas para ajudar os mais necessitados.

Não vai acreditar quanto dinheiro é atirado à Fontana di Trevi
Não vai acreditar quanto dinheiro é atirado à Fontana di Trevi
Ver artigo

Porém, a presidente da Câmara de Roma, Virginia Raggi, manifestou a vontade de ver essa quantia revertida na recuperação das infraestruturas da cidade eterna. Quem tem uma opinião diferente é a Caritas, organização solidária e humanitária da Igreja Católica.

"Não estávamos à espera deste revés. Espero que não seja definitivo“, confessou o padre Benoni Ambarus, diretor da Caritas, em declarações ao jornal da Conferência Episcopal italiana, Avvenire, depois de ter sido publicado, no sábado passado, uma notícia com o título "Dinheiro tirado ao mais pobres".

Ao que tudo indica, a alteração já foi aprovada em assembleia municipal, estando previsto entrar em vigor em abril deste ano, mesmo contra a vontade de grande parte dos romanos, que apelaram à autarquia para reconsiderar a decisão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.