Na terça-feira de manhã, ainda antes de abrirem as portas do Lisbon Bar Show, apresentado como o “maior evento de bar e 'cocktails' a nível nacional”, cerca de 270 pessoas vão participar na maior prova comentada de vinho do Porto, servido em copos desenhados especialmente pelo arquiteto português Siza Vieira para este vinho.

“Sendo o Lisbon Bar Show um evento que tem como objetivo promover os profissionais e as bebidas nacionais, vemos esta iniciativa como uma oportunidade de divulgar e potenciar um dos nossos produtos, cuja qualidade e reconhecimento é indubitável, o vinho do Porto”, afirmou o organizador do evento, Alberto Pires.

O evento, que vai na quinta edição, decorre na terça e quarta-feira no Convento do Beato (Lisboa) e junta mais de 100 expositores e as principais marcas.

O Lisbon Bar Show pretende ser uma “plataforma de conhecimento, através da qual fornecedores, marcas, pontos de venda, ‘bartenders’, especialistas ou simplesmente apaixonados pelo setor podem ficar a par do que melhor se faz nesta área”, segundo a organização.

O programa, que este ano é dedicado a Espanha, inclui várias apresentações, seminários e concursos de cocktails, com destaque para a presença de alguns dos “mais reconhecidos nomes do ‘bartending’ internacional”.

Entre estes nomes contam-se Simone Caporale, considerado o melhor empregado de bar do mundo em 2014; Alex Kratena, outra das “principais referências na área a nível mundial”; ou a equipa daquele que é considerado atualmente o melhor bar do mundo pela World 50 Best Bars (American Bar, Hotel Savoy, em Londres).

“O principal objetivo é demonstrar ao público português as tendências internacionais do setor e destacar a qualidade das bebidas, marcas e profissionais portugueses”, segundo a organização.

Uma das novidades deste ano é a presença de ‘chefs’ de restaurantes portugueses com estrelas Michelin.

Alexandre Silva (‘Loco’, uma estrela, Lisboa) vai apresentar ao público, pela primeira vez, as técnicas por trás das bebidas, como gin, cerveja, café ou chás, que criou no seu restaurante, enquanto Joachim Koerper (‘Eleven’, uma estrela, Lisboa) vai falar do conceito do seu ‘Gastro Bar Axado’ (São Paulo, Brasil).

Leonel Pereira (‘São Gabriel’, uma estrela, Quinta do Lago) vai fazer uma harmonização de comida com as bebidas preparadas por Nelson Matos, do bar do restaurante ‘Gusto’ (uma estrela, Quinta do Lago).

De acordo com Alberto Pires, Nova Iorque e Londres continuam a ser as capitais mundiais dos 'cocktails', enquanto Singapura é na atualidade um “mercado em ebulição”.

O especialista comentou que na capital britânica “há fortes possibilidades de se ser atendido por um português, num sítio de luxo”.

Em Portugal, o mercado também está a crescer: além da abertura de bares de 'cocktails', também há grupos grandes de restauração que já estão a apostar nesta área.

“Em qualquer restaurante médio ou de luxo no estrangeiro, a pessoa é encaminhada para um balcão, antes de ir para a mesa”, comentou Alberto Pires, afirmando que essa é uma tendência também a crescer em Portugal.

Fonte: Lusa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.