É provável que o turista mais desatento prenda o seu olhar no maior Pai Natal do mundo e perca algumas das instalações artísticas espalhadas pela cidade. Afinal, um Pai Natal com 21 metros de altura e 250 mil LEDs não é algo que passe despercebido. Porém, a cidade apresenta uma mão cheia de outras instalações artísticas e pontos de interesse, que não vai querer perder. A pensar nisso, apresentamos o nosso mapa turístico, para uma visita completa à cidade.

Começamos pela Praça do Município, onde um Citroën 2CV, devidamente iluminado e ornamentado, nos recebe, de porta aberta, para o muito que há a explorar. De um lado, uma cortina de gelo ilumina a avenida, com um conjunto de luzes brancas que se acendem, quais estalactites, a fazer jus ao nome da instalação. Já do outro lado, são os papagaios iluminados que nos fazem caminhar com os olhos postos no céu, com as suas vibrantes cores, a lembrar os dias quentes de verão e os papagaios lançados à beira-mar.

Estamos agora junto à Câmara Municipal, onde os três reis-magos nos dão as boas-vindas, no precioso presépio, com o menino Jesus “nas palhas deitado” e onde não falta a estrela de Belém. O edifício municipal foi cuidadosamente decorado, com luzes, laços, azevinho e chapéus. Basta circundar o edifício para chegar à Snowballs Street, a rua das bolas de neve e dos chapéus de chuva, num branco iluminado e imaculado. Alguns passos apenas nos separam da Open Sky Street, uma rua que se veste de bolas brancas e rosas e nos faz andar com a cabeça nas nuvens.

Bem vos disse que a cidade tem mais do que o maior Pai Natal do mundo - o que é, por si só, uma obra imponente. E o nosso périplo turístico ainda mal começou.

Em frente ao Tribunal, um enorme banco lembra-nos que “Águeda é Natal”, devidamente ladeado por árvores de Natal e sob o olhar atento dos pequenos duendes, que nos sorriem. Passamos sob a enorme bola de Natal gigante, para chegar ao Umbrella Sky X-mas. Estamos, definitivamente, rendidos às duas cores que adornam as ruas: uma delas vestida de azul e a outra, de um branco celestial. As mil luzes que iluminam os chapéus de chuva são um passeio imperdível pelas ruas da cidade.

As varandas mágicas, na Praça da República, fazem companhia a um enorme chapéu de chuva multicolor, onde uma foto é quase mandatória, a bolas gigantes alvas e, do outro lado da rua, um baloiço de Natal e alguns spots para fotos divertidas.

A maior surpresa está no Posto de Turismo, morada por estes dias do Pai Natal mais pequeno do mundo. No centro da sala, um microscópio: sim, o Pai Natal não é visível a olho nu. Não é à toa que é o Pai Natal mais pequeno do mundo - repousa no buraco de uma agulha, colocada sobre a palheta! Impossível evitar um “Oh” de surpresa, pela magnífica obra de arte que a lente nos permite observar. No buraco da agulha, uma microscópica árvore de natal e o velhinho das barbas brancas, carregado com um saco de presentes.

Do menor Pai Natal do mundo, passamos para o maior Pai Natal do mundo, cuja presença se avista ao longo desta jornada. Mas, à medida que nos vamos aproximando, percebemos o quão grandioso se apresenta o gigante de vermelho e branco, confortavelmente sentado numa caixa de presente.

Junto ao enorme Pai Natal, uma banda de renas dá cor e música natalícias ao Largo 1º de Maio. Este é, nesta época do ano, o endereço do Pai Natal, onde não falta uma singela casinha com um posto dos correios: não há como extraviar as cartas, com os mil e um pedidos, dos visitantes mais novos.

A nossa visita à cidade chega ao fim. Saímos por onde poderíamos ter entrado, com uma faixa sustentada pelos esquilos mais famosos do planeta, onde se pode ler “Águeda é Natal”.

Toda a cidade se veste de luz e de magia, e de um encantamento que só esta época tão especial permite. Deixe-se guiar por este singelo mapa turístico e percorra as avenidas, ruas e largos de Águeda, entre maravilhosas instalações artísticas, um pai natal no buraco de uma agulha e um imponente Pai Natal, com mais de 20 metros. Prepare-se para andar com os olhos no céu e para ver o mundo encantado por uma lente.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.