Lençóis de relva acompanham o percurso da água e todo o espaço está cuidado e com equipamentos de apoio.

Fornelos
créditos: andarilho.pt

Nos dias de calor é um refúgio para as gentes do Marão, desde Vila Real a Santa Marta de Penaguião, que procuram a frescura da água.

Fornelos
créditos: andarilho.pt

Alguns juntam também o farnel e a praia é também um local de convívio, em particular ao fim de semana. São novas rotinas numa região com tradição rural e onde domina a vinha.

Fornelos
créditos: andarilho.pt

Aloísio Fonseca nasceu em Fornelos (e quando era jovem nadava na água do rio e também pescava) e lembra-se do rio apenas com o açude. A praia fluvial é mais recente. Foi criada em 1998 e fica no concelho de Santa Marta de Penaguião. Duas pontes sobre o rio fazem a ligação entre Fornelos e Louredo.

Uma das pontes, onde começa a praia fluvial, é feita de xisto e granito e simboliza o bonito enquadramento natural. São também as marcas do Marão. O granito nas encostas altas e inclinadas com muitos pinheiros. Por outro lado, o xisto e a vinha do Alto Douro.

Fornelos
créditos: andarilho.pt

Num passado não muito distante, a paisagem tinha uma outra marca também resultante da intervenção humana e que se foi perdendo com a desertificação – extensas plantações de milho que eram irrigadas com a água do rio Aguilhão através de sucessivos açudes. Um deles é o que está na origem da praia fluvial.

Fornelos
A vinha ao lado da praia fluvial créditos: andarilho.pt

A principal atividade económica agora é a vinha e podemos testemunhar isso num passeio a Fornelos e Louredo que têm um interessante património histórico.

A começar pelo forno cerâmico romano que está mesmo ao lado da praia fluvial, junto ao parque de estacionamento.

Fornelos
Forno romano créditos: andarilho.pt

Terá sido este forno que esteve na origem do nome de Fornelos. No forno cerâmico os romanos coziam blocos e telhas para a construção civil. Terá estado em atividade até ao século IV. Os vestígios arqueológicos são fáceis de detetar porque têm uma cobertura em madeira para proteção da chuva.

Fornelos
créditos: andarilho.pt

No património da União de Freguesias de Louredo e Fornelos destacam-se ainda as duas igrejas. São de granito, pintadas de branco e sobressaem na paisagem, essencialmente a de Louredo que está no alto de uma encosta e rodeada de árvores. É um excelente miradouro. A igreja é do século XVIII e no interior tem uma imagem da padroeira, Nossa Senhora da Purificação, que é do século XV.

Fornelos
Vista para Fornelos créditos: andarilho.pt

A igreja paroquial de Fornelos também é do século XVIII, tem um ar altivo no meio da aldeia e o interior tem forte influência do barroco na talha dourada.

A praia fluvial de Fornelos faz parte do programa da Antena1, Vou Ali e Já Venho, e a emissão deste episódio pode ouvir aqui.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.