Tonopah, Nevada, EUA

Para quem gosta de terror, este pode ser um dos destinos ideais. Tonopah tem um dos céus mais escuros dos EUA, tornando-o no local atmosférico perfeito para observar as estrelas, bem como um cemitério local famoso, conhecido pelas suas vibrações assombradas.

Se gosta de "explorar a cidade", um pequeno desvio de Los Angeles e a pouco mais de uma hora e meia de Tonopah irá levá-lo à cidade fantasma de Rhyolite. Uma cidade com uma história de curta duração que abrange apenas 12 anos, de 1904 a 1916. Criada como parte da era da Corrida do Ouro, a cidade prosperou nos seus primeiros anos, mas logo decaiu após uma recessão nacional, o que levou a mina a fechar as suas portas em 1911. Desolado e misterioso, pode caminhar entre os prédios abandonados, incluindo a estação de comboio, o armazém e o banco.

Pluckley, Kent, Reino Unido

Pluckley, em Kent, é notoriamente conhecida como a vila mais assombrada da Grã-Bretanha. E não é apenas de acordo com os habitantes locais, o Guiness Book of Records também o reconheceu oficialmente em 1989. Convenientemente situado a uma curta distância a partir de Londres, é um ótimo local para uma viagem de um dia ou uma estadia mais longa. Fique de olho em qualquer acontecimento sobrenatural, pois a cidade é conhecida por avistar um fantasma ou outro. Vale a pena realçar que, além da sua reputação assustadora, paradoxalmente, também é conhecida pelo seu cenário e atmosfera pitorescas da vila.

Para completar a viagem a locais assustadores, a uma hora de Londres e não muito longe de Pluckley, encontra o assombrado New Tavern Fort, em Gravesend. Foi aqui que um fantasma avistou um soldado vitoriano em 1992. A testemunha estava totalmente convencida de que a aparição era um espírito de épocas anteriores, aumentando o misticismo da região.

Outra das paragens a considerar é o Rochester Castle, que foi apresentado no livro "Haunted Castles of Britain and Ireland", de Richard Jones. Repleta de história e situada a apenas 20 minutos de carro do Forte New Tavern e a 40 minutos de Pluckley, a lenda diz que a Dama Branca do Castelo de Rochester ainda vagueia pelos jardins.

Cluj-Napoca, Roménia

Cluj-Napoca é a capital não oficial da Transilvânia e é um local de escolha para qualquer pessoa após uma autêntica experiência assombrada na floresta. Lar de uma das florestas mais assustadoras do mundo, a Floresta Hoia fica a 30 minutos de carro de Cluj-Napoca.

Há muitas histórias de fantasmas e espíritos residentes na Floresta Hoia, bem como observações de extraterrestres ocasionais. Muitos visitantes da floresta comentam sobre as árvores peculiares e de formato interessante, que são tortas e finas, exatamente como as que vimos em muitos filmes de terror. Mesmo que não tenha nenhum encontro do terceiro grau, será igualmente recompensado com vistas deslumbrantes numa das florestas mais fotogénicas de toda a Europa.

Se não consegue pensar em visitar a Roménia sem uma experiência de inspiração gótica em Drácula, o Castelo de Bran fica a quatro horas e meia de carro de Cluj-Napoca. Famoso como inspiração para o romance Drácula de Bram Stoker, este imponente castelo num penhasco foi a residência oficial da família real romena durante séculos e um exemplo maravilhoso da arquitetura gótica.

Rajastão, Índia

O Forte de Bhangarh (na foto deste artigo) não é para os fracos de coração. Construído em 1573 e conhecido como o lugar mais assombrado da Índia, o Forte está agora abandonado, excepto por alguns macacos selvagens. Rodeado por arbustos espinhosos e uma paisagem árida, este é um ótimo lugar para mergulhar e imaginar-se no que antes era uma comunidade próspera.

O folclore diz que o forte foi amaldiçoado para permanecer sem teto para sempre - qualquer telhado construído acabou por desmoronar. Há também muitas histórias em torno da princesa Ratnavati, que era conhecida pela sua beleza e charme, mas também foi amaldiçoada. Os habitantes da região acreditam firmemente nos contos passados ​​que cercam o Forte. A entrada é gratuita e a melhor altura para visitar o Forte é entre setembro e fevereiro.

Para estender a sua estadia assombrada à região, a 30 minutos de carro do Forte fica o Forte de Ajabgarh - semelhante ao Bhangarh, pois também é considerado amaldiçoado e foi abandonado. Os moradores fugiram do Forte depois de inúmeras aparições fantasmagóricas e acontecimentos estranhos. As pessoas começaram a voltar para áreas próximas, mas o Forte em si permanece assustadoramente vazio.

Cartago, Costa Rica

A Costa Rica, conhecida pelo seu rico e diversificado ecossistema, não é um país que normalmente se associa a fantasmas. Cartago, a 45 minutos de carro da capital, San Jose, não é diferente, pois a sua beleza natural é conhecida, mas possui um toque especial. Cartago é o lar de dois locais assustadores fascinantes, um dos quais é um hospital abandonado, escondido discretamente dentro da paisagem exuberante. O El Sanatorio Duran foi construído na década de 1920 para tratar pacientes com tuberculose, estando desativado desde a década de 1960. Nos últimos anos, o hospital abriu a turistas interessados ​​na macabra história do local. A taxa de entrada é de apenas 2 dólares e os visitantes são praticamente deixados por conta própria para explorar livremente o local.

Cayo, Belize

Quando se trata de cavernas/grutas assustadoras, Belize é vencedora. A Actun Tunichil Muknal, também conhecida como ATM, é a "caverna mais sagrada do mundo" e faz jus à sua reputação como um local muito especial, com uma história que remonta a mais de 1.000 anos, mas apenas aberta ao público desde 1998.

Localizada no distrito de Cayo, esta caverna é um sítio arqueológico maia com vários restos de esqueletos localizados dentro das suas câmaras (os sacrifícios humanos eram comuns durante os tempos maias). Em particular, o interesse e a intriga cercam "A Donzela de Cristal" - uma jovem que foi oferecida como sacrifício aos deuses maias. Ao longo dos anos, o seu esqueleto calcificou, deixando um efeito cintilante e brilhante, o suficiente para causar arrepios a qualquer um.

Localizada no fundo da floresta tropical, não é uma caverna de fácil acesso. A partir da Reserva Natural da Montanha Tapir e com um guia especializado, fica a uma hora a pé por rios rasos e terrenos de selva. Neste ponto, os visitantes vão precisar de arregaçar as mangas e nadar por pouco mais de 800 metros antes de entrar na caverna.

Java central, Indonésia

O Lawang Sewu não é estranho à atividade paranormal. Originalmente construído em 1904 como sede central da Companhia Ferroviária Holandesa das Índias Orientais, o grande edifício de estilo europeu em Semarang, Java Central, é amplamente reconhecido entre os habitantes como um ponto de encontro preferido de fantasmas. Durante algum tempo, Lawang Sewu foi usada como prisão pelos japoneses, onde no porão foram realizadas execuções.

Desa Wisata Lembah Kalipancur, a 30 minutos de carro de Lawang Sewu, é uma vila interessante, criada especialmente para viajantes curiosos. Um dos destaques é um avião abandonado.

No geral, Java Central é uma ótima região para explorar de carro. Relativamente próximo fica Ambarawa, uma cidade tranquila à beira de um lago, ou Bandungan, que tem um clima mais frio e belas vistas da montanha.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.