É considerado um destino maravilhoso para os viajantes que visitam este país sul-americano e são apaixonados pela Natureza. Para o encontrar terá pela frente um dia completo a andar no meio de vales e montanhas do trilho Salkantay. Há quem diga que a magia Inca "envolve" o lugar.

O acesso, vindo de Cusco, não é complicado, mas demorado. O primeiro trecho, que vai de Cusco até Mollepata, é todo asfaltado e em bom estado. São 100 quilómetros de muitas curvas, subidas e descidas. De Mollepata é necessário seguir em direção a Soraypampa (mais 20 quilómetros). Depois, a pé, tem de percorrer o trilho Salkantay.

A caminhada é dura mas o esforço compensa. Vá com roupas de trekking. Botas confortáveis, casaco corta vento, leve gorros e luvas, dependendo do clima. Não há nenhum tipo de construção ou infraestrutura ao redor da lagoa Humantay. O único sinal de humanos são os viajantes aventureiros que fotografam aquele local mágico. A água é cristalina e gelada, já que a lagoa é “abastecida” com o degelo da montanha.

A tradição aconselha que durante a caminhada se faça um apacheta - montinho de pedras muito comum de se ver no Peru. Para o povo Inca isto tinha dois objetivos: marcar caminhos e receber energia da terra. Quem visitar a lagoa Humantay receberá, certamente, a energia da terra e também a magia deste tesouro natural.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.