Foto: Dirk Beyer CC BY-SA 3.0

1. 49-Mile Scenic Drive

Se está de visita a São Francisco alugue um carro e faça-se à estrada! Para uma primeira abordagem à cidade percorra a 49-Mile Scenic Drive, um percurso de 49 milhas (cerca de 80 quilómetros) que passa por alguns dos locais mais emblemáticos e oferece algumas das melhores vistas de São Francisco. O percurso começa e termina junto à Câmara Municipal e não há que enganar - é só seguir as placas azuis com a gaivota!

49-Mile Scenic Drive
49-Mile Scenic Drive créditos: Domínio Público

Esta rota foi criada em 1938, por ocasião da Exposição Internacional de 1939-40, e o objectivo era destacar a beleza da cidade e promovê-la enquanto destino turístico. Apesar do traçado original ter sido modificado por diversas vezes, a 49-Mile Scenic Drive continua a ser uma excelente introdução à charmosa São Francisco, que tem tanto de moderno quanto de vintage. Para fazer o percurso completo de automóvel são precisas cerca de quatro horas, mas o cenário com os famosos e imperdíveis bancos de nevoeiro é absolutamente fabuloso!

2. Lombard Street

Lombard Street
Lombard Street créditos: Gaurav 1146

Mantenha-se ao volante e desta vez atreva-se a descer a famosa Lombard Street. Esta estrada tem uma inclinação de 51%! Por ser muitíssimo íngreme, e consequentemente bastante perigosa para a circulação automóvel, em 1922 foi desenvolvido um projeto para diminuir a inclinação natural da colina. Assim foram desenhadas oito curvas acentuadas e o limite de velocidade é de 8 km/h. De sentido único (apenas é permitido descer) esta estrada tonou-se numa atração já que, para quem está na parte inferior, parece que os carros seguem numa qualquer montanha russa. O cenário torna-se ainda mais fotogénico durante a primavera e o verão, altura em que os crisântemos, que enchem os canteiros que adornam a parte interior das curvas, estão em plena floração.

3. Cable Cars

Está na hora de estacionar o automóvel e passar para os transportes públicos.

São Francisco Cable Car
Cable Car créditos: Dllu – CC BY-SA 4.0

Os cable cars, são uma imagem de marca de São Francisco e uma viagem nestes carros é obrigatória. São um veículo de transporte de passageiros puxado por um cabo que se encontra debaixo da estrada e que está ligado ao carro através de um outro cabo que passa por uma fenda existente entre os carris. Os cable cars surgiram em 1873 para fazer face à geografia acidentada da cidade, marcada por diversas colinas e no auge da sua utilização chegaram a circular cerca de 600 veículos. Com o passar do tempo estes carros foram sendo substituídos por eléctricos e autocarros e hoje apenas existem três linhas em funcionamento. Assistir à mudança de sentido de um cable car, quando este chega ao término da linha, é uma daquelas experiências obrigatórias numa vista a São Francisco, já que esse é o ponto alto deste sistema de transporte operado manualmente.

4. F-Line Historic Street Car

Dos cable cars passamos para os eléctricos, mas não para uns elétricos quaisquer. Na F-Line, que sobe e desce a Market Street, só circulam eléctricos vintage, mas não são réplicas ou imitações, são mesmo veículos restaurados que originalmente circulavam em São Francisco e em outras cidades dos Estados Unidos e da Europa, e onde este meio de transporte já não é usado. São por isso eléctricos que foram restaurados e postos novamente em circulação.

São Francisco Elétrico
Eléctrico vintage créditos: Chris J Wood – CC BY-SA 3.0

A verdade é que apesar dos eléctricos terem vindo substituir muitos dos cable cars existentes em São Francisco, também eles acabaram por ser substituídos por outros veículos mais modernos, como o metro de superfície. Em 1982, depois de mais de 75 anos em circulação, os eléctricos deixaram de operar em São Francisco. Mas no verão do ano seguinte, por ocasião do festival do trólei (eléctrico), a linha existente na Market Street foi usada para colocar em circulação eléctricos históricos. O sucesso foi tal, que logo surgiram propostas para que a iniciativa se tornasse permanente, e assim em 1987 nasceu a linha F.

O percurso conta com cerca de 10 km, entre os famosos Fisherman’s Wharf e Castro District, e circular nesta linha permite ver muitas das atrações de São Francisco de uma forma romântica, elegante e muito em conta!

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.