O Lago Como é facilmente acessível de comboio ou de carro a partir de Milão e é a escolha perfeita para umas férias relaxantes, românticas e cheias de charme. Ficou com vontade de conhecer? Consulte os bilhetes para Milão da TAP, marque o seu voo e parta à descoberta desta região Italiana.

Siga o nosso itinerário de 3 dias e deixe-se maravilhar pelo azul intenso do lago e pelo cenário que conquistou estrelas como George Clooney e Donatella Versace.

Menaggio, Bellagio e Varenna são três das cidades mais populares do Lago Como e oferecem algumas das melhores opções de alojamento da região. Dispõem de boas ligações de barco e podem funcionar como uma boa base para a exploração de toda a área em redor do lago. Quem viaja de carro pode sempre optar por ficar numa das muitas cidades menores.

DIA 1: MENAGGIO

Tal como acontece com quase todas as cidades mais populares nesta área, Menaggio tem um passeio ao longo da margem do lago, uma praça principal cheia de cafés e um pequeno centro histórico para explorar.

Comece a sua visita pelo pequeno porto ao sul e continue para norte, passando pela praça principal e pela doca. No final do caminho vai descobrir um monumento interessante dedicado aos tecelões de seda que já foram muito importantes na cidade.

Voltando ao centro da cidade, explore a Piazza Garibaldi, a praça principal de Menaggio. Um dos seus lados está diretamente virado para o lago e tem vistas incriveis. Pare num dos muitos cafés para comer um gelado e vai ver como é agradável!

Atrás da praça fica a cidade velha de Menaggio. Embora não seja muito extensa e não tenha grandes locais históricos dignos de nota, merece ainda assim uma visita. Não perca a igreja principal, construida em estilo barroco, é fácil de a identificar porque está pintada de cor de rosa.

Se tiver tempo pode ainda alugar um barco no porto de Menaggio, para dar um passeio ou fazer esqui aquático no lago. Para nadar, visite a praia de seixos, mas tenha em atenção que existe uma taxa de entrada.

No centro de Menaggio não faltam bons restaurantes. E o Hotel Bellavista, pode ser uma boa opção para quem decidir passar a noite na cidade antes de seguir viagem.

LAGO COMO
créditos: The Travellight World

DIA 2: CIDADES DE COMO E NESSO

A cidade de Como é a maior que encontramos nas margens do lago e tem um punhado de atrações que valem muito a pena conhecer. A mais famosa talvez seja a Catedral de Como, a primeira coisa que se vê quando nos aproximamos da cidade de carro ou de barco.

Esta igreja de estilo gótico, dedicada à Virgem Maria, foi construída no século XIV e possui uma fachada ornamentada e um interior ricamente decorado.

A Casa de Alessandro Volta — o inventor da bateria moderna — é outra das atrações da cidade, assim como o Museu Arqueológico de Como, que fica alojado no Palazzo Giovio e possui uma fantástica coleção de artefactos antigos descobertos por toda a região da Lombardia.

O funicular Como-Brunate é igualmente imperdível. Este liga a cidade de Como à pequena vila de Brunate, localizada no alto das montanhas. Do topo podem ver-se a cidade de Como e o lago em toda a sua glória. Imperdível.

Para os mais aventureiros, há um trilho de duas horas até ao cume do Monte Boletto, que proporciona uma vista ainda mais mágica da região.

A Basílica de São Addondio está localizada um pouco fora do centro da cidade, mas é uma igreja majestosa que vai agradar a quem aprecia arte sacra. O altar tem uma série de frescos que representam várias figuras religiosas e o teto é extremamente belo.

Em Como há um grande número de operadores turísticos perto do lago a oferecer passeios de barco. Um dos mais bonitos é o que vai até à pitoresca cidade de Nesso.

Quando se desembarca em Nesso a primeira coisa que chama a atenção é a Ponte da Civera, que parece unir as duas metades da cidade. A sua construção em pedra, claramente medieval, harmoniza-se completamente com o ambiente e dá-lhe um toque romântico que faz com que os visitantes se apaixonem.

Orrido de Nesso, uma queda de água, com quase 200 metros de altura, é a maior atração desta cidade, mas a igreja barroca de San Pietro e Paolo, com frescos de Carlo Innocenzo e Luiggi Tagliaferri, também cativa os visitantes.

LAGO COMO
créditos: The Travellight World

DIA 3: BELLAGIO, VARENNA E TREMEZZO

Bellagio é uma cidade muito bonita, e talvez a mais famosa do Lago Como. E talvez por esta razão também a que atrai mais turistas.

Quem viaja de carro vai gostar de saber que há uma série de estacionamentos gratuitos, a cerca de 15 minutos do centro.

Bellagio está localizada onde os três braços do Lago Como se encontram. As vistas são, por isso, incomparáveis ​​e cada canto do vasto lago pode ser admirado a partir de La Punta.

Mas o que faz de Bellagio um lugar tão especial é aquele charme de pequena cidade italiana, com ruas estreitas e bonitas praças onde é fácil nos perdermos.

A cidade é ideal para fazer compras porque possui uma variedade de lojas, oferecendo ainda muitos jardins e alguns restaurantes incríveis. Não perca uma visita aos jardins da Villa Melzi ou ao Jardim Villa Serbelloni, propriedade da Fundação Rockefeller que fica no antigo local da vila de Plínio, o Ancião.

A partir de Bellagio é fácil apanhar um barco até Varenna, outra bela cidade.

Varenna é como Bellagio, mas sem as multidões. As ruas estreitas, os edifícios coloridos e as deliciosas pizarias estão todos lá, mas há muito menos gente para “atrapalhar” as vistas.

LAGO COMO
créditos: The Travellight World

Também muito próxima, do outro lado do lago, e facilmente alcançável por barco, está a cidade de Tremezzo.

A principal atração de Tremezzo é a Villa Carlotta, que possui uma interessante (ainda que pequena) coleção de pinturas, esculturas e tapeçarias e extensos jardins decorados com hortênsias, estátuas de estilo clássico e miradouros panorâmicos. Plantas exóticas e raras como o ruibarbo gigante, que parece saído de tempos pré-históricos, também florescem aqui.

LAGO COMO
créditos: The Travellight World

A Villa Balbianello é mais uma atração da cidade e destaca-se pela sua história: Foi a casa do conde Guido Monzino — o primeiro italiano a liderar uma expedição ao Monte Everest — e nos últimos anos serviu de cenário para filmes das sagas "James Bond" e "Star Wars".

Fazendo uma visita guiada podemos fotografar os jardins e entrar na casa para descobrir todos os seus segredos, passagens secretas e compartimentos ocultos.

O Grand Hotel Tremezzo é igualmente um destaque na cidade e uma das melhores opções de hospedagem no Lago Como. Tem três piscinas aquecidas (uma das quais no lago), e uma pequena praia privada.

Milão desde 45€