Braveheart

É impossível não mencionar um dos filmes mais emblemáticos da história do cinema e vencedor de 5 Oscares, Braveheart. A sua personagem principal é William Wallace, um dos maiores heróis escoceses, interpretado pelo ator Mel Gibson.

Liderando um exército amador, Wallace venceu uma batalha decisiva contra os ingleses na luta pela independência da nação.

Castelo de Stirling
Castelo de Stirling créditos: Pixabay

Mais de 20 anos depois da estreia do filme, visitantes continuam a visitar Stirling, o local onde a batalha aconteceu, para visitar o Monumento William Wallace.

Na torre construída numa colina próxima ao castelo encontra-se a espada de William Wallace, em exposição na Galeria dos Heróis, além de outros objetos que explicam como tudo aconteceu.

Monumento William Wallace
Monumento William Wallace créditos: Pixabay

Brave - Indomável

A animação da Disney-Pixar é um retrato fiel da Escócia. É o país com maior número de ruivos do mundo, o que explica a origem dos cabelos de Mérida. Há misteriosos círculos de pedra em diferentes lugares do país.

Para o filme a inspiração veio das Calanais Stones, na ilha escocesa de Lewis.

Calanais Stones, na ilha escocesa de Lewis
Calanais Stones, na ilha escocesa de Lewis créditos: Pixabay

A cultura dos clãs, o uso dos kilts, o castelo e até mesmo a magia celta estão presentes. Sem falar ainda da competição Highland Games, que acontece até hoje nas Terras Altas.

007 Skyfall

Em Skyfall, o agente secreto James Bond regressa às origens, nas Terras Altas da Escócia. Um dos filmes de maior sucesso do agente secreto mostra a beleza do cenário das Highlands durante o inverno, quando a vegetação ganha uma coloração alaranjada e os vales enchem-se de neblina.

Terras Altas, Escócia
créditos: Pixabay

Harry Potter

Durante o período em que morou em Edimburgo, a autora JK Rowling integrou uma série de elementos escoceses nos filmes. Prova disso é o número de fãs que vão ao cemitério Greyfriars para ver o túmulo de Thomas Riddle – que deu origem a Tom Riddle, conhecido como Voldemort.

cemitério Greyfriars
cemitério Greyfriars créditos: Carlos Delgado/Wikipedia

Mas a cena escocesa mais marcante em Harry Potter é certamente o Expresso de Hogwarts, que existe de verdade, com o nome de Jacobite Steam Train. A locomotiva a vapor liga as cidades de Mallaig a Fort William, nas Terras Altas.

Expresso de Hogwarts
Expresso de Hogwarts créditos: Pixabay

O Código da Vinci

“Quando decidi escrever O Código Da Vinci, sabia que o final teria que ser na capela mais mágica e misteriosa do planeta – Rosslyn”. O comentário do escritor Dan Brown dispensa introduções.

Capela de Rosslyn
Capela de Rosslyn créditos: Pixabay

A lenda que gira em torno da Capela de Rosslyn, perto de Edimburgo, diz que o local foi construído pelos Cavaleiros Templários para esconder o Santo Graal. A decoração no seu interior em nada lembra os tradicionais símbolos cristãos da época e para os esotéricos, há um código em cada pedra que compõe a capela.

Outlander (série Netflix)

Fora da categoria dos filmes mas uma série que está a dar que falar, Outlander tem levado recentemente mais turistas à Escócia à procura do cenário e das histórias que inspiraram Diana Gabaldon.

Baseada numa série de livros, Outlander é um romance de ficção que retrata um momento crucial na história dos escoceses: a Batalha de Culloden. Quando visitar a Escócia vai ouvir falar muito desta batalha e das transformações que trouxe ao país.

Na rota dos fãs de Outlander estão o museu e campo de batalha de Culloden, a pequena cidade de Falkirk (que aparece na série como Inverness) e o castelo de Doune, usado como Castle Leoch, a sede do clã MacKenzie.

campo de batalha de Culloden
campo de batalha de Culloden créditos: Pixabay

Fonte: VisitBritain/VisitScotland

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.