A partir de janeiro de 2020, Amesterdão cobrará uma taxa fixa de € 3 por pessoa, por noite para qualquer visitante que passar a noite num hotel, além da tarifa atual de 7%. Os turistas em alojamentos Airbnb também terão um aumento de de 10% por noite. O imposto fixo sobre os parques de campismo será de € 1  por pessoa, por noite. Existe ainda uma taxa de 8 euros para os visitantes que chegam de barco.

Muitos países europeus adicionam uma taxa de turismo à conta do hotel. Em Paris, por exemplo, os turistas podem esperar taxas  entre 20 cêntimos e 1,50 € por pessoa, por noite, com base na localização do hotel e na classificação por estrelas. Em Roma, é aplicada uma taxa fixa. Assim, pode pagar até € 7 por pessoa, por noite, o que equivale a mais de € 80 para duas pessoas, se ficarem durante uma semana. Em Portugal, nas cidades que aplicam a taxa, esta varia entre 1 e 2 euros.

Em Amesterdão, com a nova taxa fixa , um casal que fique num hotel de 120 € por noite durante uma semana pagaria 117,60 €  (no total) a partir de 2020, uma taxa bastante significativa.

Menos de um milhão de pessoas vivem em Amesterdão, mas a cidade recebe cerca de 20 milhões de visitantes por ano. Como o turismo de massa ameaça dominar a cidade, Amesterdão proibiu o alojamento de curto prazo do Airbnb em áreas movimentadas e proibiu novas lojas destinadas a turistas no centro histórico.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.