Segundo dados do INE, há a destacar também uma subida do número de turistas espanhóis, que em abril chegou a rondar os 60%. O facto de a Páscoa se ter celebrado, este ano, em abril, teve influência nestes valores, mas Luís Pedro Martins, presidente do Turismo do Porto e Norte de  Portugal (TPNP), realça também "o trabalho de promoção e divulgação do destino Porto e Norte, que tem sido muito forte junto do mercado espanhol, nomeadamente com a participação da TPNP em todas as feiras do setor realizadas desde o início do ano no país vizinho e os resultados estão à vista". O responsável congratula-se, ainda, com os números gerais publicados pelo INE, que mostram "a liderança da região no ranking de dormidas nacionais entre janeiro e abril deste ano".

No indicador (RevPAR) o Porto e Norte situou-se em 42,4 euros em abril, o que se traduziu num aumento de 5,2. A variação do RevPar foi maioritariamente positiva entre as diversas tipologias e respetivas   categorias, tendo sido de +5,2% na hotelaria, +11,8% no alojamento local e +10,2% no turismo em espaço rural.De salientar ainda a evolução registada pelos apartamentos turísticos (+22,4%).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.