Uma cidade-parque nacional é "um lugar, uma visão e uma comunidade ampla que atua em conjunto para melhorar a vida das pessoas e da natureza. Um elemento característico é o compromisso de agir, de tal forma que as pessoas, a cultura e a natureza trabalhem juntas para proporcionar uma melhor base para a vida", pode ler-se no site da National Park City Foundation (NPCF), a associação por trás dessa iniciativa.

Em Londres, a primeira cidade do mundo a ser nomeada Parque Nacional, a campanha para conscientizar e divulgar a iniciativa começou há cinco anos e tanto os cidadãos quanto as organizações mostraram o apoio ao projeto assinando a declaração de princípios.

Para a União Internacional para a Conservação da Natureza, um Parque Nacional é "uma grande área natural criada para proteger os processos ecológicos, espécies e ecossistemas característicos da área, proporcionando também fundamentos ambientais e culturais compatíveis com atividades espirituais, científicas, educativo, recreativo e visitas".

O objetivo desta distinção é aplicar às cidades os mesmos princípios de conservação, cuidado e relação com a natureza que são aplicados nos Parques Nacionais. Com esta designação, Londres pretende ser uma cidade em que os habitantes e a natureza se relacionem melhor e onde os visitantes possam desfrutar de áreas verdes e respirar um ar mais puro. Cerca de 47% da Grande Londres já é fisicamente verde - incluindo áreas como jardins domésticos, campos de golfe e habitats naturais - e 18% da capital são parques públicos.

Depois de Londres, Newcastle e Glasgow também já iniciaram campanhas para obter essa distinção.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.