O jornal inglês The Telegraph questionou vários pilotos sobre os seus aeroportos preferidos para aterrar. Numa lista de 15, o aeroporto do Funchal, na Madeira, surge em 4º lugar.

Um dos pilotos referiu a localização do aeroporto (salientando as montanhas rochosas e o oceano atlântico ali tão perto) e o tamanho da pista, que é sempre um desafio. Também foi enaltecida a paisagem vista de cima antes da aterragem.

Outros aeroportos também apresentam características muito próprias, como o de Innsbruck, na Áustria. "Os pilotos recebem treino especial todos os anos no simulador para aterrar neste aeroporto, pois tem os seus desafios: as montanhas em redor, a possibilidade de queda forte de neve, ventos fortes que causam muita turbulência e a pista, que é bastante curta", refere um dos pilotos. Ou como o de Jersey, no Reino Unido: "É tecnicamente interessante, pois tem uma pista bastante curta para um avião de médio porte e requer cálculos cuidadosos na preparação da aterragem", refere outro dos pilotos.

E há também os que ficam na memória, como explica este piloto, na profissão há mais de 20 anos, referindo-se ao aeroporto de Beijing, na China. "O pessoal que trabalhava na pista colocava-se em fila para receber os pilotos e passageiros. Parecia que estávamos a ser recebidos por uma guarda de honra".

Fique a conhecer os 15 aeroportos que se destacam entre os pilotos que participaram neste inquérito:

1. Nápoles, Itália

2. Christchurch, Nova Zelândia

3. Leeds Bradford, Reino Unido

4. Funchal, Madeira, Portugal

5. Innsbruck, Áustria

6. Jersey, Reino Unido

7. London Heathrow, Reino Unido

8. Nova Iorque, Estados Unidos

9. Hamilton Island, Whitsundays, Austrália

10. Stavanger, Noruega

11. Gibraltar

12. Beijing, China

13. Kittilä, Finlândia

14. Ilulissat, Gronelândia

15. Sâo Francisco, Estado Unidos

Veja ainda: As pistas mais assustadoras do mundo - e uma é portuguesa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.