Durante 2 dias, mais de 100 vendedores e produtores locais disponibilizarão toneladas de cereja a preços especiais. Mas, para além da oportunidade única de adquirir uma das mais afamadas cerejas do país, os visitantes poderão encontrar diversos produtos artesanais ligados ao fruto, bem como as famosas cavacas de Resende, que são uma referência na gastronomia Resendense. Também as Juntas de Freguesia do concelho vão apresentar as suas atrações, em stands próprios, numa iniciativa que pretende promover as tradições locais.

Quem se dirigir a Resende no primeiro fim de semana de junho poderá assistir, ainda, entre duas mãos cheias de cereja, às atuações de grupos musicais, isto se entretanto não for “atropelado” por malabaristas, acrobatas, personagens de andas e modeladores de balões, que vão garantir a animação de rua.

Mas, o ponto alto do Festival da Cereja é o cortejo temático que, a partir das 15h00 de domingo (2 de junho), irá percorrer as principais ruas da Vila de Resende. Cerca de 400 figurantes, crianças do 1.º e 2.º ciclo, acompanham o desfile, em carros de bois de raça arouquesa, que este ano será dedicado ao “Memorial à Cereja” e que contará com grupos de animação musical.

Para facilitar a deslocação até à festa, o Município de Resende mantém a parceria com a CP, oferecendo 30% de desconto no bilhete de comboio até à estação da Ermida, sendo que a empresa de autocarros Transdev Douro assegurará o transporte dos passageiros até ao centro da Vila de Resende, onde decorre a festa. O mesmo transporte é assegurado no sentido inverso.

Pelo 4.º ano consecutivo, a autarquia promove o concurso “Melhor Doce/Bolo de Cereja de Resende”, que pretende incentivar a criação de um doce/bolo que identifique o concelho como produtor da melhor cereja, onde serão atribuídos incentivos aos três melhores classificados.

Esta é a 18.ª edição do Festival da Cereja de Resende, uma iniciativa de grande importância para a economia local que procura promover e valorizar um dos produtos de excelência do concelho, já que as cerejas de Resende são de facto as primeiras a surgirem em toda a Europa e reforçadas de inconfundíveis características nutritivas e gustativas.

Fonte: Câmara Municipal de Resende

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.