Mas este não é um restaurante de hotel qualquer: é um restaurante que fica no rooftop do hotel. E este não é um rooftop qualquer: é um rooftop que tem uma vista panorâmica privilegiada sobre a cidade e sobre uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal: a Ria Formosa.

Só por si, este já é um motivo hiper-válido para a sua visita… Mas há mais! O Cosmopolitan bar e o restaurante Ria Formosa partilham de forma harmoniosa o mesmo espaço, moderno, cosmopolita e acolhedor, com uma vistosa lareira transparente no centro da sala.

Ao entrar, temos logo a sensação de estar num local seleto, mas despretencioso, agradável para uma boa refeição ou apenas para uma bebida em boa companhia a apreciar a vista.

O bar, com cocktails de autor, tem uma carta original e inovadora renovada recentemente, que começa logo na apresentação: um “avião de papel” que, ao ser desdobrado, serve de carta de bar, inspirada nos cinco continentes e em que cada cocktail tem um nome de uma companhia aérea – não fosse tão próxima a relação da cidade com o turismo e o aeroporto – com sabores também eles inspirados nos países e continentes à volta do mundo.

Experimentámos dois cocktails: um British Airways, com gin Hendricks, toranja, pepino, chá Earl Grey e flor de sabugueiro, servido numa original chávena de chá a fazer lembrar o chá das cinco inglês. O outro, um United Airlines, com bourbon Maker’s Mark, melaço de coco, bitter de chocolate e… fumo de pinha! servido dentro de uma surpreendente caixa que, ao abrir, liberta o fumo e os aromas de bocados de pinha a arder.

Uma ideia genial que eleva este cocktail a outro nível! De resto, o head-barman João Roque e a sua equipa estão de parabéns não só pela qualidade dos cocktails que criaram, como também pela criatividade impressa em cada um deles, desde a “mixologia” dos sabores até à apresentação, sempre inesperada e curiosa.

Para iniciar a refeição, um pequeno amouse-bouche com elementos de carne e alheira, para aguçar o apetite, e uma manteiga com manjericão e nozes, de elaboração própria. Para entrada, o chef Miguel Silva apresentou vieiras com três texturas de couve-flor e paiola alentejana e, apesar de ser uma “mera” entrada foi uma das estrelas da noite. Divinalmente cozinhadas, com um toque cítrico adocicado de lima, combinam na perfeição com as diferentes texturas da couve-flor.

Serviram-nos um chardonnay português, das beiras, da quinta vale do ruivo, um vinho muito gastronómico, mineral, ótimo para acompanhar este prato.

De seguida foi servido um tamboril envolto em fios de batata, cozinhado a baixa temperatura, acompanhado de uma terrina de legumes biológicos e pétalas de tomate. Combinação ótima da textura suave do tamboril com a textura crocante dos fios de batata e o tomate, legumes perfeitos e a surpresa de um leve molho de baunilha que, no início se estranha, mas depois se entranha.

O prato de carne foi a interpretação do chef executivo Pedro Ruivo e sua equipa do leitão à bairrada: leitão assado a baixa temperatura durante 30 horas (sim, pode começar a salivar e imaginar a carne a desfazer-se na boca…) com coração de alface grelhado, estaladiço de batata recheado com aioli e um molho de laranja intenso, feito com várias passagens de águas de casca de laranja.

A harmonização vínica recaiu sobre a quinta da fata, Dão, escolha ideal para acompanhar este leitão.

Finalmente, para sobremesa, um cheesecake de frutos tropicais com um delicioso gelado de coco sobre um crumble de chocolate, acompanhado com uma colheita tardia D. Maria.

Durante o jantar tivemos sempre presente a simpatia de serviço de todo o pessoal, sempre muito atenciosos e prestáveis, com bons dedos de conversa.

Faça uma visita ao melhor rooftop do Algarve e deixe-se inspirar… Vá ao final da tarde, aproveite o pôr do sol mágico sobre a ria Formosa ao sabor de um cocktail inspirado nos sabores que os aviões trazem a Faro de todos os pontos do mundo, aprecie a vista e medite um pouco antes do jantar.

Depois, sozinho ou acompanhado, deguste estes pratos de autor com inspiração regional, desfrute do excelente atendimento – um grande trunfo neste restaurante – e sairá sempre com um sorriso nos lábios.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.