Começa a ser tradição em agosto visitarmos o Porto a dois, sem miúdos nem pressas, sem grandes planos, simplesmente, ir descobrindo os novos (e velhos) recantos da cidade. Assim, ao prepararmos a viagem ao Porto, pedimos sugestões de lugares para almoçar no Porto nas redes sociais e a Cervejaria Gazela ou os "cachorrinhos da Batalha" foi o mais recomendado.

Assim, aceitamos a sugestão da maioria e, em boa hora o fizemos, porque adorámos e desde esse dia que queríamos visitar o espaço com os miúdos.

A Cervejaria Gazela simboliza muito mais do que boa comida: tem uma história de resiliência, crença, generosidade e força de trabalho que nos caracteriza enquanto povo.

Na década de 60, três sócios abriram três cervejarias com o nome de animais: Gazela, Impala e Corsa. Destas, só a Gazela permanece aberta desde 1962.

O atual proprietário é o Sr. Américo Pinto, que cresceu como funcionário destas três casas e acabou por se fixar na Gazela. O Américo – para os clientes e amigos - cresceu no Douro, numa aldeia com um nome associado a uma história trágica, a aldeia de Queimada (concelho de Armamar).

Era o segundo mais novo de oito irmãos e seguindo o caminho dos irmãos mais velhos, logo após ter concluído o quarto ano de escolaridade, veio para a cidade do Porto.

Aos 12/13 anos começa a trabalhar como funcionário na Gazela, estabelecimento do qual hoje é proprietário.

A sua história de vida revela a determinação e a vontade de construir um futuro melhor para si, para a sua família e para os que o rodeiam.

É conhecido pela sua maneira afetuosa de receber, pela sua preocupação pelos outros, pela sua resiliência e pela sua generosidade. Características bem evidentes na forma como recebe todos os que entram na Gazela, a nós cativou-nos desde o primeiro segundo.

A Gazela é, desde 1962, um marco da cidade do Porto. Um dos seus produtos, o  Cachorrinho, acabou por se tornar na sua imagem de marca e também uma iguaria da cidade.

Em fevereiro de 2017, a Gazela aparece no programa "Parts Unknown" onde o famoso Anthony Bourdain provou os cachorrinhos, levando a um aumento exponencial do número de turistas que procuram o espaço. Contudo, bastam poucos minutos na Cervejaria Gazela para perceber que muitos dos clientes são quase família, tal é a cumplicidade que existe entre a equipa do Sr. Américo e quem os visita, sentimo-nos em casa e isso é o mais importante.

Obviamente que quem trabalha assim arrisca-se a ter sucesso. Em 2018, a Cervejaria Gazela é nomeada para os The World Restaurant Awards na categoria House Special (especialidade da casa).

Entre muitas outras distinções, realce para o reconhecimento feito pela cidade do Porto, a inclusão da Cervejaria Gazela no "Porto Tradição", programa municipal que atribui este estatuto com vista a preservar e salvaguardar estabelecimentos com relevância para o património histórico e das vivências tradicionais da cidade.

Se estão no Porto ou pensam visitar a cidade, não podem perder os Cachorrinhos, Picadinho, Francesinha, Prego em prato, e outras iguarias que por ali podemos encontrar. Para nós passou a ser visita obrigatória na cidade, para sempre .

Sr. Américo, até já!

Uma última nota: a Cervejaria Gazela também significa família e tradição, e, como domingo é o dia da família, a Gazela está encerrada, algo diferenciador e pouco comum na restauração, por isso, se quiser visitar a Cervejaria Gazela faça-o de segunda a sábado.


Cervejaria Gazela - O Original Cachorrinho

Tv. Cimo de Vila 4 10

4000-171 Porto

Aberto de segunda a sábado - (12H00 - 22H30)

Telefone: 22 205 4869 | 22 112 4981

E-mail - geral@cervejariagazela.pt

Acompanhe as nossas aventuras no Instagram Viagensa4

Artigo originalmente publicado no blogue Viagensa4

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.