Trilho Inca para Machu Picchu – Peru, América do Sul

A lenda diz que os Incas construíram este trilho para servir de peregrinação sagrada para preparar os visitantes para entrar na cidadela Inca de Machu Picchu. Esta experiência de caminhada é um desafio devido à altitude elevada e terreno áspero, mas os exploradores persistentes são recompensados com vistas montanhosas de tirar o fôlego e belos templos antigos. Descubra a cidade perdida de Machu Picchu, percorrendo lindos cenários de selva e visite o Lago Titicaca, um dos lagos mais altos do mundo.

Machu Pichu
créditos: Pixabay

Onde ficar: O JW Marriott El Convento Cusco é um hotel histórico com tijolos expostos, tetos abobadados e um pátio colonial. Com a Catedral de Cusco e a praça principal a uma curta distância, o hotel tem uma ótima localização e oferece aos hóspedes a possibilidade de provar especialidades peruanas ou cozinha internacional nos dois elegantes restaurantes. Após uma árdua caminhada, os viajantes podem recarregar as suas energias nas salas de massagem do hotel.

JW Marriott El Convento Cusco
JW Marriott El Convento Cusco créditos: Booking.com

Caminho de Santiago – Saint-Jean-Pied-de-Port, França

O Camino de Santiago, também conhecido como The Way of St. James, é indiscutivelmente uma das mais famosas peregrinações espirituais na Europa, com cerca de 200.000 viajantes a fazer esta jornada todos os anos. A rota mais famosa começa na pitoresca vila francesa de Saint-Jean-Pied-de-Port, atravessando os Pirinéus, através da Baixa Navarra e para o norte da Espanha, em direção à icónica Catedral de Santiago de Compostela. A lenda diz que Santiago o Grande está enterrado aqui e muitos percorrem este caminho à procura de crescimento espiritual.

Caminho de Santiago – Saint-Jean-Pied-de-Port, França
créditos: Booking.com

Onde ficar: Localizada no coração do País Basco, está a pitoresca cidade medieval de Saint-Jean-Pied-de-Port e o hotel Gite Azkorria. No local, os hóspedes podem alugar bicicletas, a forma perfeita para explorar os arredores. A localização é inigualável, idealmente situado no Caminho de Santiago, ao lado da central de boas-vindas aos peregrinos.

Kumano Kodo – Kii Hanto, Japão

Por mais de mil anos, as antigas rotas de peregrinação de Kumano Kodo atravessam as montanhas japonesas de Kii Hanto até ao antigo Templo de Kumano Sanzan. Vai ver paisagens montanhosas incríveis e pequenas aldeias tradicionais de madeira que marcam o caminho. A caminhada em si era parte integrante do culto religioso e de purificação, no entanto, hoje em dia, os peregrinos viajam para Kumano Kodo para vivenciar a paisagem cultural e espiritual. Ao terminar a viagem, os viajantes podem mergulhar nas termas em Yunomine, Património Mundial da UNESCO, que se encntram abertas ao público.

Templo de Kumano Sanzan
créditos: pixabay

Onde ficar: O Resort Kumano Club oferece acomodações em estilo japonês com tatame (tecidos de palha), zonas de estar, banhos termais e jardins tradicionais. Os roupões japoneses Yukata são fornecidos a todos os hóspedes e alguns quartos têm uma banheira privada ao ar livre - a forma perfeita de relaxar o corpo após uma caminhada desafiadora pelas montanhas de Kii Hanto. Aproveite ainda para saborear uma fusão das culinárias japonesa e ocidental disponível no restaurante no local.

Pico de Adão, Sri Lanka

A antiga peregrinação do Pico de Adão é conhecida por alguns como a pegada sagrada do Buda, enquanto os muçulmanos acreditam que foi a primeira pegada de Adão e os hindus acreditam que ela foi feita por Shiva. Com uma história tão significativa, esta famosa peregrinação atrai milhares de viajantes todos os anos, o que não causa nenhuma surpresa, devido às suas vistas deslumbrantes e lojas de chá tradicionais que acompanham o trilho. A caminhada de 7 km faz-se melhor à noite, quando o clima é mais ameno, no entanto, certifique-se de planear o seu tempo corretamente para testemunhar o nascer do sol no topo desta cúpula deslumbrante no centro do Sri Lanka.

Onde ficar: Localizado a 820 metros de Lunuganga, em Bentota, o Yathra by Jetwing é um tradicional barco de madeira que oferece acomodação, zonas de estar e até mesmo uma varanda. Acorde com os belos rios da natureza ao seu redor e pequeno-almoço continental diariamente. Para algo um pouco mais relaxante, os hóspedes podem fazer uma curta viagem até ao Lago Bentota para uma tarde tranquila de pesca.

Tor - Glastonbury, Reino Unido

Os dois locais místicos de Glastonbury e Stonehenge são as peregrinações pagãs tradicionais, no coração do campo inglês. Da famosa Igreja de São Miguel ao mundialmente famoso Stonehenge, Património Mundial da UNESCO, milhares reúnem-se nesta peregrinação na esperança de renascimento e retorno como uma nova pessoa ou, talvez simplesmente, para desfrutar das vistas inigualáveis da bela paisagem britânica. O melhor momento para fazer esta viagem é em junho, quando milhares de pessoas se reúnem para celebrar o solstício de verão.

Middlewick Holiday Cottages
Middlewick Holiday Cottages créditos: Booking.com

Onde ficar: P Middlewick Holiday Cottages oferece uma estadia rural, localizada em Glastonbury e com vistas de Glastonbury Tor e dos Mendips. As casas de campo e os chalés estilo estúdio dispõem de cozinhas totalmente equipadas, piscina ao ar livre e área de estar. As crianças vão adorar a variedade de atividades, incluindo andar de bicicleta, fazer caminhadas e alimentar os animais da quinta. Depois de concluir a peregrinação, os viajantes estarão apenas a uma curta distância de Cheddar Gorge e do mundialmente famoso festival de música de Glastonbury.

Monte Kailash - Tibete, China

Ao longo de milhares de anos os peregrinos de várias crenças viajaram para o Monte Kailash a pé na esperança de ter boa sorte. A lenda diz que, para ser concedida boa sorte, o percurso de 52 km deve ser concluído num único dia.

InterContinental Lhasa Paradise
InterContinental Lhasa Paradise créditos: Booking.com

Onde ficar: O InterContinental Lhasa Paradise é o hotel InterContinental mais alto do mundo, localizado na "cidade do sol" de Lhasa, também ela uma das cidades mais elevadas no mundo. Os viajantes devem visitar os monumentos do palácio de Portala, um símbolo do budismo tibetano, que fica a uma curta viagem do hotel. Outros marcos imperdíveis incluem o templo mais sagrado em todo o Tibete, o Templo Jokhang, e as vistas majestosas do Rio Lhasa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.