Estreamos esta rubrica com uma registo espantoso de Rui Pereira, um dos fotógrafos portugueses mais ativos no Flickr no tema da observação de aves e outros animais. Pedimos-lhe que nos contasse como o momento acima, passado em outubro, se proporcionou e resultou numa fotografia certeira.

Texto e fotografia por Rui Pereira

7h30, Doca de Alcântara. Já estávamos atrasados, pois a esta hora já deveríamos estar ao largo de Cascais. Rapidamente saímos do Tejo. À passagem do Bugio é que conseguimos ver como estão as condições de navegação. Por norma, quanto mais vento, melhor para a observação. Neste dia em particular, nem uma aragem... mar chão e vaga muito espaçada.

Com o passar do tempo, provou-se que de facto o dia não tinha boas condições para vermos aves, até que...."golfinhos ao longe" diz o comandante. E onde há golfinhos, há aves!

Chegámos rápido e constata-se que havia um grupo de golfinhos, numeroso, e mais de 100 gansos patolas, todos a alimentarem-se de um cardume. Perturbar os animais está fora de questão, pelo que sabíamos logo que o tipo de fotografia possível não passava por encher o ecrã com as aves. Assim, de imediato pensei que podia fazer esta foto, que mais não é do que o mergulho que o ganso faz para apanhar o peixe dentro de agua (podem ir até 30 metros abaixo de água para o apanhar).

A ideia inicial era ter a ave a entrar dentro de agua, mas nessa fase as asas já estão tão esticadas que o efeito estético perde-se. Assim, teria de ser como foi, com as asas em processo de recolha para entrar direito dentro de agua, permitindo assim maior profundidade com o mergulho. Era um dos objetivos do dia e, aliás, foi o único conseguido. Nem sempre temos dezenas de observações que permitam muitas fotos. Há que aproveitar o que nos é oferecido pela natureza.

É este o tipo de fotografia que gosto de fazer. Documentar o comportamento das aves (ou outros animais) num único momento para que quem veja a foto imagine o enquadramento e tenha uma ideia do que está a passar. Pelo desafio técnico que é, gosto também de fotografar aves em voo. Muitas das aves são totalmente diferentes em voo do que quando estão pousadas e conseguir mostrar isso é uma satisfação pessoal grande.

Podem descobrir mais da fotografia de natureza que o Rui faz na sua galeria no Flickr, em flickr.com/photos/ruiworld. Se têm uma fotografia de natureza ou viagem, feita recentemente, que gostariam de partilhar connosco, contactem-nos pelo sapo.viagens@sapo.pt com o assunto Como fiz esta fotografia

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.