Pamukkale, que significa "castelo de algodão" em turco, é um conjunto de piscinas termais de origem calcária que com o passar dos séculos formaram bacias gigantescas de água que descem em cascata numa colina próxima de Denizli, na Turquia.

A formação do Pamukkale deve-se às correntes termais existentes no subsolo, que provocam o derrame de carbonato de cálcio, depois solidificado como calcário travertino.

Veja na galeria imagens das piscinas termais de Pamukkale:

Além deste fenómeno geológico de grande beleza, a zona também é conhecida pelas bem conservadas ruínas da cidade greco-romana de Hierápolis.

As piscinas termais são o grande atrativo do turismo na região desde há muito. Pamukkale-Hierápolis foi declarada Património Mundial da Humanidade em 1988.

Em Pamukkale existem 17 piscinas termais, onde as temperaturas variam entre os 35º e os 100º graus Celsius. Recebe mais de dois milhões de turistas por ano e é uma das atrações mais populares na Turquia.

O acesso está restrito e só é permitido aos visitantes colocarem os pés dentro de água. Os banhos são totalmente proibidos, de forma a apreservaro este património natural.

Se quiser mesmo tomar banho, terá de ir à piscina igualmente quente (35º) do famoso Spa de Hierápolis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.