Em várias regiões da Alemanha os castelos estão rodeados de paisagens deslumbrantes, como florestas, penhascos ou montanhas. O Hohenzollern é um dos que deixa os viajantes maravilhados: fica no alto de uma montanha de 855 metros de altura e a vista é de cortar a respiração.

Localizado perto da cidade de Estugarda, foi propriedade da família aristocrata prussiana Hohenzollern, que viveu nele desde o período da sua construção até a Primeira Guerra Mundial, quando foram destronados.

Com mais de oitocentos anos de História, esta edificação germânica sofreu diversas remodelações. Construído no início do século XI, a forma como o vemos hoje deve-se à reconstrução realizada entre 1846 e 1867 pelo rei Friedrich Wilhelm IV, em estilo Neogótico - também conhecido por revivalismo gótico - este estilo pretendia recuperar as formas da Idade Média.

No castelo Hohenzollern os viajantes devem contemplar a biblioteca, os aposentos do Rei, uma sala com a árvore genealógica da família prussiana e o Salão Azul que era o quarto da Rainha e ostenta um tecto de painéis quadrados folheados a ouro. Na sala do tesouro há também objectos expostos, entre eles a coroa real do imperador Guilherme II (foi o último Imperador alemão e Rei da Prússia).

O castelo recebe nas férias de verão as crianças da Fundação Princesa Kira da Prússia e, como atracção turística, são mais de 300 mil os visitantes por ano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.