As mais belas quedas de água da Islândia

A Islândia é um dos mais belos países do mundo para se contemplar quedas de água. Os amantes da fotografia não resistem aos encantos das linhas de água e mesmo os viajantes mais experientes ficam boquiabertos com tamanha beleza.
As mais belas quedas de água da Islândia
Foto: Viajar entre Viagens Viajar entre Viagens

Estas são algumas das mais belas quedas de água da Islândia:

Hengifoss é a segunda queda mais alta da Islândia e está localizada nas margens do maior lago da Islândia, Lagarfljot.  A visão é soberba, sendo a queda singular pela sua altura, mas também pelas cores das rochas que a rodeiam. Para chegar aqui é preciso caminhar já que o carro tem que ficar estacionado a alguns quilómetros.

Lítlanesfoss é uma queda rodeada de formações espetaculares de colunas basálticas. Fica no trekking a caminho de Hengifoss.

Goddafoss é uma queda de água maravilhosa e que se distingue por ser bastante larga e, na realidade, composta por várias quedas, lado a lado. São belíssimas e merecem de certeza o curto percurso a pé para lá chegar, uma vez que a estrada número um passa mesmo ao lado.

Gullfoss é uma queda de água monumental cujo nome significa cataratas douradas. Está longe da magnificência do Iguaçu ou de Niagara. Mas as mais famosas quedas de água da Islândia não desiludem nem o viajante mais experiente. A queda tem 32 metros de altura e desaparece numa ravina apertada.

Seljalandfoss é a mais uma bela queda de água de um cenário idílico. E quase nem é preciso sair do carro para a contemplar. Da janela do carro já se vê o seu esplendor. Mas ninguém resiste em contemplá-la apenas daí. Há que sair do carro, percorrer os trilhos à volta da queda, contemplar a magnífica lagoa verde onde a queda de água termina, e, inclusive, caminhar por trás da queda. Um destino predileto dos casais enamorados islandeses.

Islândia
créditos: Viajar entre Viagens

A leste de Reykjahlid, encontra-se a que é provavelmente a mais impressionante queda que já presenciamos, de seu nome Dettifoss. É a queda com maior caudal da Europa (cerca de 200 metros cúbicos por segundo), mas para além disso tem uma outra queda ligeiramente a montante (Selfoss) que faz com que a água chegue aqui com uma velocidade já considerável. Acrescente-se o facto de que se pode aproximar a alguns metros das toneladas de água revolta que caem estrondosamente e temos um cocktail perfeito para impressionar quem quer que seja. A turbulência da água e o barulho por ela gerado são tais que a impressão visual e auditiva é simplesmente vertiginosa. Sentimo-nos insignificantes em comparação com o poder da Natureza…

Skogarfoss e à queda de água da cidade homónima. Esta é impressionante pela sua altura (cerca de 50 metros) mas também pelo seu enquadramento numa paisagem povoada por outras pequenas quedas de água vizinhas.

Em Skaftafell há alguns treks maravilhosos que permitem explorar o glaciar de Vatnajokull, nomeadamente um que permite ver a cascata de Svartifoss, uma queda de água numa parede de prismas basálticos. É um espetáculo digno dos deuses.

Viajar entre Viagens esteve vários dias na Islândia, onde alugamos um carro. Nesses dias, demos a volta à ilha. Criámos um conjunto de dicas com informação prática sobre transportes, alojamento e formas de conhecer a ilha neste artigo. Criámos ainda um artigo em que lhe damos algumas ideias do que ver e do que fazer para preparar a sua viagem de carro pela Islândia. Espreite aqui.

Se procura alojamento para a sua próxima viagem pode encontrar aqui.

Se precisa de alugar carro, veja aqui o melhor preço.

Para saber mais sobre as nossas viagens espreite o nosso blogue. Se gosta dos nossos artigos siga-nos no FacebookYoutube ou no Instagram. Gostávamos de ter a sua companhia. 

Veja mais sobre

Veja também

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.