Situada na ilha de Kvalo, a 480 km a norte do Círculo Polar Ártico, Hammerfest é conhecida pelo seu porto, sendo também uma das cidades mais antigas da Noruega. Hammerfest foi o primeiro aglomerado urbano do norte da Europa a ganhar iluminação elétrica nas ruas, em 1891.

O fenómeno chamado de noite polar acontece quando o sol não nasce durante mais de 24 horas. No caso de Hammerfest, é a partir do dia 22 de novembro, durando até 20 de janeiro.

Noite polar em Hammerfest
Noite polar em Hammerfest créditos: Øyvind A. Holm / CC SA 3.0

Isso não significa que durante as 24 horas há total escuridão, apesar de estar escuro na maior parte do tempo. Durante algumas horas há a presença da chamada "hora azul", aquela luz que caracteriza o crepúsculo, quando o sol já se pôs.

Noite polar em Longyearbyen, Svalbard
Noite polar em Longyearbyen, Svalbard, Noruega créditos: Bjørn Christian Tørrissen / CC SA 3.0

O que pode ser considerado por muitos como um período sombrio, é na verdade uma fase que atrai a atenção de visitantes que querem experienciar as noites polares. Também os locais consideram esta fase mágica, de acordo com este guia da Noruega.

Além de Hammerfest, existem outros lugares na Noruega onde se pode conhecer o fenómeno da noite polar, entre eles: as Ilhas Lofoten, Tromsø, North Cape e Longyearbyen.

Noite polar em Tromso
Noite polar em Tromso créditos: Osopolar / CC SA 3.0

Este é um período ideal para ir à caça das auroras boreais, outro fenómeno do Círculo Polar Ártico que fascina visitantes.

Depois desta "longa noite", os habitantes de Hammerfest são recompensados com o sol da meia-noite, mais um fenómeno natural, este caracterizado pela ausência de noite e pelo sol sempre espreitar durante as 24 horas. Nesta cidade, o sol da meia-noite acontece entre 16 de maio e 27 julho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.