Ethan Weiss, um cardiologista de São Francisco, partilhou no Twitter uma foto do seu voo para mostrar que todos os assentos estavam ocupados, apesar de ter recebido uma mensagem da United Airlines a garantir que os assentos do meio ficariam vagos de forma a respeitar as regras de distanciamento social implementadas devido à pandemia de coronavírus.

Ethan Weiss afirmou ainda que, a 30 de abril, tinha recebido um e-mail da United Airlines a garantir aos clientes que a companhia aérea estaria a "bloquear automaticamente os assentos do meio para lhes dar espaço suficiente a bordo".

O médico acrescentou que os outros passageiros também estavam "assustados / chocados" com a situação.

A United Airlines preferiu não comentar por que razão o distanciamento social não foi implementado neste voo, mas reiterou o seu protocolo de limpeza e segurança e afirmou que todos os passageiros e os funcionários foram incentivados a usar máscaras.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.