Os últimos dois meses ficaram conhecidos como o  verão da pandemia e muitos portugueses trocaram as viagens para o estrangeiros por viagens em Portugal, o que levou a que as viagens de proximidade na Airbnb - de hóspedes que vivem a menos de 500 km - aumentassem em todas as regiões, mas especialmente em destinos de verão menos tradicionais.

As receitas do acolhimento provenientes de reservas feitas por viajantes próximos (durante julho e agosto) cresceram cerca de 30% em Portugal, em comparação com o mesmo período do ano passado. Regiões normalmente não associadas a viagens de verão, como Viseu, Vila Real, Castelo Branco e Santarém, foram tendência neste verão. Os anfitriões em destinos insulares, como os Açores e a Madeira, também ganharam mais este verão com os viajantes de proximidade, o que mostra a força dos corredores internos e das viagens domésticas nas ilhas.

As 5 principais regiões tendência no verão, tendo em conta o crescimento dos ganhos dos anfitriões dos hóspedes de viagens de proximidade foram Viseu com um crescimento de 248%, seguida por Açores com crescimento de 190%, Vila Real (180%), Castelo Branco (164%) e  Santarém (156%).

As tendências das viagens de proximidade começaram a manifestar-se  logo nas primeiras fases do desconfinamento na Europa, quando a percentagem de reservas feitas em Portugal por hóspedes que vivem num raio inferior a 500 km passou de 6% em fevereiro para 46% em maio.

Os 10 principais destinos que registaram o maior aumento nas receitas do acolhimento das viagens de proximidade, ganharam entre 5 a 6 vezes mais do que no ano passado (em julho e agosto) com o mesmo grupo de hóspedes. Foram eles: Santa Bárbara de Nexe (Faro); Boliqueime (Faro); Pombal (Leiria); São João das Lampas (Lisboa); Gondomar (Porto); Monsanto (Castelo Branco); Póvoa de Lanhoso (Braga); Moreira (Porto); Lagoa (Faro); Vilela (Vila Real).

Os viajantes optaram por ficar em casas com piscina e espaço suficiente para desfrutar com a sua família. Por essa razão, os alojamentos marcados como 'Casa', 'Villa' ou 'Chalet'  foram os mais procurados em Portugal. A piscina foi a comodidade mais  procurada nas pesquisas na plataforma, ao mesmo tempo que poder viajar  com o animal de estimação e ter wifi foram algumas das outras principais exigências para os viajantes portugueses neste verão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.