“Que este ano façamos menos importações e optemos por fazer férias em Portugal”, defendeu Ana Mendes Godinho, em Coimbra, ao intervir no encerramento do III Fórum Turismo Interno “Vê Portugal”, que decorreu desde domingo no Convento São Francisco.

No primeiro trimestre de 2016, o número de portugueses que optam pelo turismo em Portugal cresceu 13% em relação ao ano passado, salientou.

A governante salientou também que a recente reposição pelo atual Governo dos quatro feriados extintos pelo anterior executivo “já teve evidente impacto” na procura turística interna.

Na sua opinião, Portugal deve apostar mais no património cultural para aumentar a vinda de turistas de outros países, adotando Portugal “uma estratégia de partilha” com diferentes entidades para “rentabilizar os recursos” disponíveis, sendo ainda dever do Estado “assumir uma política pública ativa” para o turismo interno.

“Temos de ter um produto turístico que rapidamente leve a pessoas a consumi-lo”, preconizou, depois de realçar que o turismo interno “vale muito em termos de valorizar” as regiões, contribuindo ainda para que “os portugueses conheçam melhor” o seu país e “descubram coisas novas e diferentes”.

Ana Mendes Godinho alertou, no entanto, que o emprego no setor “caiu 12% nos últimos cinco anos”, apesar dos sinais que demonstram um crescimento das atividades turísticas em Portugal.

“Como se compreende isto?”, questionou a secretária de Estado do Turismo.

Intervieram ainda na sessão de encerramento do Fórum Turismo Interno o presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal, Pedro Machado, e a vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Carina Gomes.

“Seremos todos capazes de ultrapassarmos as diferenças e de trabalharmos juntos?”, desafiou Carina Gomes, em representação do presidente da autarquia, Manuel Machado.

Pedro Machado, por sua vez, salientou que o III Fórum Turismo Interno “Vê Portugal” acolheu 586 participantes inscritos desde domingo, o que faz da iniciativa “o maior evento” do género realizado em Portugal.

O congresso foi organizado pela Turismo Centro de Portugal e pela Câmara de Coimbra, com o apoio do Turismo de Portugal e da Caixa Geral de Depósitos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.