Pertenceu a Itália e foram várias as marcas deixadas pelo país à ilha. Localiza-se no mar Jónico e devido ao clima húmido que se faz sentir na região, é uma verdadeira mistura de paisagens que variam desde praias paradisíacas, espaços verdes e cavernas, penhascos e enseadas, sempre rodeadas por águas cristalinas de tons esmeralda e turquesa. É pouco conhecida pelos turistas pelo que ainda consegue passear tranquilamente pela ilha e desfrutar do sossego.

Pela península de Paliki encontrará várias praias desertas inseridas numa paisagem variada banhada pelas águas cristalinas. Em Sami, uma cidade que recebe um movimentado porto, encontrará vários bares e restaurantes e uma vida noturna animada. Em termos de cidades, Fiskardo é um outro ponto de passagem onde poderá aproveitar para almoçar e relaxar na praia.

O Lago Melissani é um dos pontos turísticos mais visitados e não é de espantar, já que fica situado dentro de uma caverna aberta no topo devido a um terramoto ocorrido em 1953. Uma visita a meio do dia permite visualizar a panóplia de cores refletidas na água, num passeio de barco de cerca de 10 minutos pela gruta.

Assos é uma vila diferente, mas que merece uma paragem e uma subida ao castelo pela vista que oferece. Embora com poucos pontos turísticos, é o sitio perfeito para relaxar.

Mas falando de praia é impossível não mencionar Myrthos Beach. Esta é a capa de vários postais da região e um dos mais belos locais para visitar na ilha. O contraste entre as pedras brancas e o azul do mar faz deste local palco de várias fotografias e um dos mais visitados da ilha. Razões para visitar Kefalonia não faltam. Faça as malas e deslumbre-se com esta bela ilha.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.