Jólabókaflód significa algo como “inundação de livros no Natal” e é, tal como a tradução indica, uma tradição em que se oferecem livros na época natalícia. Jólabókaflód começa em novembro, quando cada casa recebe o Bókatídindi  na caixa de correio. O Bókatídindi é um catálogo com as novas publicações literárias da Associação de Editores da Islândia.

A partir desse momento e até dia 24 de dezembro, os livros fazem parte da lista de compras de Natal.  Os livros são oferecidos na noite de 24 de dezembro e as famílias passam a noite e o dia seguinte, a lê-los.

Esta tradição começou na Segunda Guerra Mundial, quando foi feito um racionamento de vários os produtos importados para a Islândia. As limitações do papel importado foram menos severas, o que fez com que os livros se tornassem o único presente de Natal possível. Desde então, os islandeses mantêm a tradição.

Além de evitar o consumismo típico a que assistimos na época natalícia, esta prática incentiva a leitura e promove uma sociedade mais culta.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.