Uma parede de vidro à prova de balas será instalada à volta dos jardins da Torre Eiffel.

As obras, no valor de 30 milhões de euros, serão concluídas em maio de 2018, indicou à AFP o responsável de Turismo do governo local, Jean-François Martins.

Como será a Torre Eiffel "do futuro"?
Como será a Torre Eiffel "do futuro"?
Ver artigo

O projeto prevê a instalação de um vidro blindado de três metros de altura em dois lados da torre, de modo a conservar a perspectiva. Uma grade vai proteger os outros dois lados, onde os turistas vão entrar e sair da torre. Como já acontece, os guardas controlarão as bolsas e revistarão os visitantes, que também deverão passar por um detector de metais.

O monumento, visitado por entre seis a sete milhões de pessoas por ano, já conta com uma patrulha de polícia permanente, mas em março os vereadores de Paris aprovaram por unanimidade um aumento da segurança no local devido à "ameaça terrorista especialmente alta".

Martins afirmou que as obras "não vão dificultar a chegada de visitantes".

Além deste reforço de segurança, existem outros projetos em curso para a modernização e melhoramento da famosa "Dama de Ferro", tais como pintura, iluminação, jardins e recepção dos visitantes.

Saiba mais sobre a Torre Eiffel na galeria de fotos:

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Viagens. Semanalmente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.