Portugal, mais uma vez, conseguiu várias distinções nos World Travel Awards, desta vez, na cerimónia que elegeu os melhores do mundo, depois de terem sido conhecidos os melhores da Europa, em setembro, quando Portugal foi eleito o melhor destino europeu e arrecadou 17 prémios.

Dos 293 prémios distribuídos na cerimónia que decorreu no Dubai nesta sexta-feira, Portugal arrecadou 11.

A Madeira voltou a ser considerada o melhor destino insular do mundo - pela nona vez. Repetentes também foram os Passadiços do Paiva, o projeto Dark Sky Alqueva e os Parques de Sintra, considerados, respetivamente, os melhores em atração de turismo de aventura, turismo responsável e empresa de conservação.

Os Açores foram eleitos o melhor destino mundial de turismo de aventura e a cidade Braga foi considerada o melhor destino emergente do mundo, a grande surpresa para Portugal desta 30ª edição dos World Travel Awards.

A TAP ganhou dois prémios, a melhor companhia aérea mundial líder para África e para América do Sul.

A hotelaria lusa também teve direito a prémios, tendo sido distinguidos os seguintes hotéis: Olissippo Lapa Palace Hotel, Lisboa (melhor hotel clássico); Dunas Douradas Beach Club, Almancil (resort de golfe e villas); Bairro Alto Hotel, Lisboa (hotel histórico de referência).

E qual é o melhor destino do mundo? Este ano, o prémio foi para Maldivas. Já as Filipinas conquistaram o título de melhor destino de praia. A lista completa pode ser consultada aqui.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.