O guia Anfíbios do Algarve é composto por fichas das 13 espécies de anfíbios que podem ser encontradas no Algarve. Cada ficha tem fotografias e ilustrações da espécie, classificação, caracterização, biologia, distribuição e conservação. Contém ainda chaves para identificação de adultos, larvas e ovos.

É um guia para iniciantes: destina-se ao público em geral, a estudantes e a todos os que têm interesse em saber mais sobre anfíbios. Pretende dar a conhecer ao público este extraordinário grupo de animais, que vive no planeta há mais de 395 milhões de anos. Os anfíbios sobreviveram a vários cataclismos, mas muitas espécies enfrentam hoje risco de extinção, em parte devido à ação humana. Dar a conhecer estes animais é um passo importante para sensibilizar para a sua conservação, lê-se no comunicado.

Entre os anfíbios incluídos no guia estão: uma subespécie de Salamandra-de-pintas-amarelas – Salamandra salamandra crespoi –, que é endémica do sul de Portugal e ocorre quase exclusivamente no Algarve; e a rã-de-focinho-pontiagudo (Discoglossus galganoi) que é, entre as espécies que se encontram no Algarve, a que apresenta um estatuto de conservação mais preocupante, classificada como “quase ameaçada” no Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal.

Esta é a 2ª edição de um livro lançado originalmente pelo professor João Santos em 2002.

O livro vai ser apresentado no Festival de Observação de Aves e Natureza de Sagres, no dia 3 de outubro às 17h30, no Centro Interpretativo da Lota de Sagres. Os interessados podem inscrever-se aqui.

O mundo inteiro no seu email!

Subscreva a newsletter do SAPO Viagens.

Viaje sem sair do lugar.

Ative as notificações do SAPO Viagens.

Todas as viagens, sem falhar uma estação.

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOviagens nas suas publicações.