1. Cracóvia, Polónia


É a cidade mais bonita da Polónia e, apesar de valer uma visita por si só, tem ainda o bónus de ser o ponto de paragem mais acessível para chegar a Auschwitz. Ainda não tivemos oportunidade de dizer isto, mas se há sítio que vale a pena conhecer para nos conhecermos melhor é aqui. Voltando a Cracóvia, é uma cidade pequena, com um centro histórico muito arranjado, perfeito para um fim de semana recheado de sossego e cultura. Se vivem na zona norte de Portugal preparem-se: a partir de 27 de março, a companhia área Ryanair vai abrir duas ligações semanais desde o Porto.

2. Budapeste, Hungria


A cidade que ninguém fica indiferente e quase sempre pelas boas razões. Aquele típico orvalho e cores de outono caem na perfeição nesta cidade húngara. Uma cidade cheia de vida e que não perde a energia nesta estação do ano. Perfeita para uma escapadela com aqueles amigos que têm vontade de se divertirem e apreciar a beleza estonteante de Budapeste.

3. Munique, Alemanha


Munique combina com outono porque combina com outubro e tudo junto chega-se à Oktoberfest. Apesar desta festa da cerveja estar já disseminada pelo mundo, a de Munique continua a ser a rainha de todas elas. É uma experiência única para os amantes de cerveja e até para aqueles que não gostam. Se quiserem rentabilizar a vossa viagem com algo mais sossegado, visitem Neuschwanstein. Por detrás da beleza deste Castelo, esconde-se umas das histórias mais fantásticas que a monarquia já conheceu.

4. Sevilha, Espanha


Os 40 graus que se fazem sentir durante o verão afugentam qualquer turista. Por isso é que o outono cai na perfeição na mais bela cidade de Espanha. Esta cidade andaluza reúne tudo o que é necessário para uma boa estadia: boa comida, música flamenca, pessoas simpáticas, história, cultura e aquele 'calentito' que só a Andaluzia nos consegue dar.

5. Islândia


Se querem ver imagens como esta, a Islândia pode ser o vosso destino. A melhor altura para se assistir a este espetáculo gratuito, que se dá pelo nome de aurora boreal, é entre outubro e março. Por isso é que o outono é a melhor altura para visitar a Islândia, assim como mergulhar nos seus banhos termais naturais. É ingrato para este país escolher apenas uma fotografia para o ilustrar, mas façam um favor a vós próprios e pesquisem na internet mais imagens deste belo país. Qualquer um fica de queixo caído.

Islândia
Aurora boreal na Islândia créditos: Pixabay

6. Toscana, Itália


Toscana rima com outono. Ponto. Esta zona de Itália inspira serenidade e ao mesmo tempo aventura. É ainda o destino perfeito para aventureiros rurais e amantes de boa comida e bom vinho. A Toscana é para percorrer, e perder-se de carro, deixando-se levar pelas belas planícies da região. No outono temos mais contacto com as zonas vinhateiras e as cores acastanhadas conferem algo de belo e 'tosco' ao mesmo tempo. Único.

7. Edimburgo, Escócia


Continuamos no espírito natural e chegamos a Edimburgo. Aquela típica neblina de outono cai que nem uma luva na capital escocesa. Rodeada por imponentes montanhas, passear por esta cidade faz-nos sentir que estamos dentro de uma série/filme de fantasia. Fãs de Guerra dos Tronos, acho que encontramos o destino ideal para vocês.

8. Douro, Portugal


É daquelas sítios que percebemos que não precisamos de andar muitos quilómetros para nos sentirmos fora de casa. A região vinhateira do Douro é mágica e concede-nos uma paz interior que poucos conseguem dar. Qualquer altura é boa para visitar o Douro, mas é durante os meses de setembro e outubro que podemos apreciar as vinhas em todo o seu esplendor. Ainda por cima, a oferta hoteleira é tanta e de grande qualidade, que fica difícil escolher. Mais fácil fica escolher o vinho para o jantar.

Douro
A paisagem única do Douro créditos: Pixabay

9. Estrasburgo, França


Tal como o Douro, a Alsácia, em França, é conhecida pelas suas vinhas, tão características da zona. O vinho branco é diferente do nosso, mais licoroso e ácido. Para um bom apreciador de vinhos esta é outra zona a conhecer durante o outono. Montem a vossa base em Estrasburgo, com os seus belos canais a percorrer toda a cidade. É ideal para quem quer conhecer dois países de uma vez só, a Alemanha e a França. Não deixem de visitar também a pitoresca Colmar.

10. Londres, Inglaterra


Primavera, verão, inverno ou outono, qualquer altura é boa para visitar uma grande cidade como Londres, mas escolhemos o outono por ser a que melhor combina. Sejamos francos, Londres significa frio e chuva (em quantidades moderadas), por isso esta é a melhor época do ano para a visitar. Além disso, a capital inglesa tem muitos espaços culturais onde podemos ficar recolhidos, até vamos agradecer o mau tempo lá fora. Para aquecer, nada melhor que um chá e um bolo em Notting Hill.