• De bicicleta por Hôi An: a essência do Vietname mora aqui
    De bicicleta por Hôi An: a essência do Vietname mora aqui
    Têm a bicicleta à mão? Subam para ela e venham connosco. Atravessemos juntos este caminho estreito, desenhado no meio dos arrozais, o verde repete-se: à direita, à esquerda. Sintamos o vento: passa-nos pelos cabelos, protegidos num lenço enrolado. E
  • Barcos redondos? Venha conhecê-los no Vietname
    Barcos redondos? Venha conhecê-los no Vietname
    Perguntar-se-ão, estes homens, sobre a fibra de que são feitos? Enfrentam a rebentação das ondas, em pé, com um remo que os sustenta, o mesmo com que comandam o barco. Pelo percurso vão largando as redes e com elas as bandeiras vermelhas – como a do
  • Anda comigo ver os arrozais em Sapa no Vietname
    Anda comigo ver os arrozais em Sapa no Vietname
    Estamos no meio dos arrozais, perdidos algures pelo vale Muong Hoa. Connosco, além da Say, há um grupo de mulheres que nos acompanham durante esta caminhada, pertencem à tribo Hmong e são facilmente identificadas pelos seus trajes pretos tradicionais
  • Conheça a mais bela baía do mundo - Ha Long Bay
    Conheça a mais bela baía do mundo - Ha Long Bay
    Há um lugar no mundo onde um dragão mora no oceano. Correu das montanhas para se esconder nas águas. Enquanto corria, a sua cauda afundou a terra, desenhou vales e estes encheram-se de água, deixando a descoberto pedaços de terra que saem do mar, ond
  • Marionetas na água, a arte milenar que nasceu no Vietname
    Marionetas na água, a arte milenar que nasceu no Vietname
    Era domingo – tínhamos um bilhete nas mãos, na parte de trás marcava 21h15, 100’000 dongs vietnamitas e na frente lia-se assim: Nhà Hát Múa Rôi Thang Long (Thang Long Puppet Theatre). Fomos ao mais famoso teatro de marionetas na água.
  • Beber café no Vietname: uma experiência única
    Beber café no Vietname: uma experiência única
    "Negro como o diabo, quente como o inferno, puro como um anjo, doce como o amor". A citação é de Charles Maurice de Talleyrand-Perigord, um político e diplomata francês e figura controversa na história do país. E, excluindo a última parte da frase -
  • Good Morning Vietname – o caos de Hanói
    Good Morning Vietname – o caos de Hanói
    Hanói acorda às 6h e às 6h de cá já não há cama em que caibamos, agitam-se os corpos, mesmo mal dormidos (de um dia inteiro de viagem). Agitam-se como se copiassem a agitação lá fora: buzinas, pessoas a falar, galos a cantar, tudo ao mesmo tempo e tu
  • Adeus, China: o senhor que desenha olhos com as mãos
    Adeus, China: o senhor que desenha olhos com as mãos
    Em viagem, cruzamos-nos com rostos desconhecidos muitas vezes por dia: rostos que nunca vimos antes, rostos que nunca veremos de novo. Neste dia, deixaríamos a China e, de todos os olhos, guardámos os do senhor de olhos pequenos que parecia receber-
  • Yangshuo, paisagens incríveis da China
    Yangshuo, paisagens incríveis da China
    A terra dançou danças irrepetíveis para fazer nascer Yangshuo. Não vos vou falar dos movimentos das placas tectónicas, disso falar-vos-ia se não tivesse cá estado, se não tivesse sentido Yangshuo. O que aqui há tem de ter nascido no coração de alguém
  • Lijiang, a bela cidade no sudoeste da China
    Lijiang, a bela cidade no sudoeste da China
    É do cimo de Lijiang que vos falo, com uma parte da cordilheira do Himalaia no horizonte. Estamos na Província de Yunnan, no sudoeste da China. Subimos o Lion Hill Park, atravessámos o Pavilhão Wangu para vermos de cima os telhados negros, a calçada
  • Sete horas de comboio para descobrir uma outra China
    Sete horas de comboio para descobrir uma outra China
    É esta a China que quero sentir, foi desta China que viemos à procura: a terra vermelha que nos entra pela janela dentro, os campos de arroz e de outros cultivos, os camponeses de cabeças enfiadas nos seus chapéus tradicionais.
  • A Grande Muralha da China e a menina dos sapatos vermelhos
    A Grande Muralha da China e a menina dos sapatos vermelhos
    É a estrutura arquitetónica mais longa do mundo, estende-se ao longo de quatro províncias, atravessa o Deserto de Gobi a Mongólia e a região autónoma da Ningxia. Os olhos são poucos, são curtos, fazem-se pequenos, tentam alongar-se, esticar-se, aumen
  • Lama temple: uma criança num templo budista
    Lama temple: uma criança num templo budista
    É assim que é mais conhecido o Yonghe Temple, em Pequim. Há já um prenúncio do que nos espera pelas ruas que nos levam até lá: estátuas de Buda, talismãs, amuletos budistas vários e incenso relembram-nos que estamos bem perto do maior e mais famoso t
  • Pequim: Primeiro impacto
    Pequim: Primeiro impacto
    O barulho, a multidão: entram-nos pelos ouvidos, pelos olhos, pelos corpos - que se tocam - num caminhar que eles (que o fazem no quotidiano) sabem de cor; que nós tentamos descodificar numa amálgama de caracteres chineses que, até esta entrada em Pe
  • Fomos: Chegou o dia!
    Fomos: Chegou o dia!
    Já estamos dentro do balão, deste balão que toca os céus e pousa em terras que ainda não conhecemos mas até às quais seremos levados por esta vontade de ir.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.