A primeira vez em que ouvi falar do Percurso dos 7 Vales Suspensos foi através de uma fotografia extraordinária que encontrei a meio de um “zapping” no Instagram. Soube imediatamente que tinha de fazer aquele percurso por mim mesma.

O percurso, localizado no concelho de Lagoa, no Algarve, pode ser iniciado na Praia da Marinha ou, na ponta oposta, na Praia de Vale de Centianes, e estende-se por 5,7km por cima das arribas que contornam a costa.

A ida e a volta têm uma duração média de 6 horas e é aconselhável que seja feito nas estações intermédias (Primavera e Outono) para evitar temperaturas extremas ou chuvas. Se mesmo assim quiser aproveitar para conhecer o percurso no verão, então convém iniciar a caminhada bem cedo pela manhã para aproveitar as temperaturas mais frescas.

Pelo caminho vão-se encontrando 7 vales suspensos que em tempos foram a foz de percursos de água. A paisagem é extraordinária do principio ao fim: o azul forte e as águas cristalinas que banham a costa algarvia acompanham o percurso, e a tranquilidade que se sente ao caminhar no meio daquele cenário é impagável.

Alguns dos locais de destaque ao longo do percurso são o Farol de Alfanzina (que é possível visitar às quartas-feiras), o Algar de Benagil (uma das grutas mais visitadas nesta zona do Algarve e já considerada uma das mais belas do mundo) e a praia da Marinha.

Na galeria de fotos acima, encontra algumas imagens que poderão despertar ainda mais a curiosidade sobre este percurso.

Boa caminhada!