As redes sociais criaram uma nova categoria de utilizadores que expõe em demasia a sua vida pessoal. Já ninguém faz seja o que for, relevante ou não, sem que o partilhe nas redes sociais. E todos temos aquele amigo que partilha mais do que gostaríamos de saber, e, provavelmente, mais do que ele próprio pretendia partilhar.

Os códigos de barras e códigos QR que podemos encontrar nos cartões de embarque escondem muita informação e poderão permitir que alguém indesejado aceda aos dados pessoais que partilha com as companhias aéreas, como sugerido pelo guru da tecnologia, Brian Krebs.

Hoje em dia, descodificar um código de barras é extremamente simples. Basta fazer o upload de uma fotografia desse mesmo código de barras num qualquer leitor disponível online. Os códigos de barras incluem frequentemente o seu nome completo, detalhes da sua viagem, ou o seu número de cliente da companhia aérea. Quando combinados com informação que inadvertidamente partilha online, poderá por em risco a sua segurança pessoal, ou até a segurança da sua casa, quando viaja, entre outros usos sinistros.

Através da partilha desta informação, facilitará o acesso à sua conta de cliente e informações, abrindo a porta a possíveis alterações da informação pessoal ou códigos PIN e alteração de detalhes de voo. A sua informação pessoal poderá depois ser utilizada para fins mais complexos e duvidosos.

Por esse motivo, seja especialmente cuidadoso quando partilha imagens do seu cartão de embarque online.